Inicio » Mais Seções » Dia dos Namorados » Dia dos Namorados – Sem fedor! Saiba como controlar os maus cheiros do corpo

Dia dos Namorados – Sem fedor! Saiba como controlar os maus cheiros do corpo

Do chulé ao mau odor das áreas íntimas: todo cheirinho ruim tem uma maneira eficaz de ser controlado.

Embora seja bastante comum a qualquer pessoa, o cheirinho desagradável do corpo causado por inúmeras bactérias e fungos precisa ser controlado para não gerar situações constrangedoras a dois
Embora seja bastante comum a qualquer pessoa, o cheirinho desagradável do corpo causado por inúmeras bactérias e fungos precisa ser controlado para não gerar situações constrangedoras a dois

Um mulher ou homem apaixonado pode tolerar várias coisas em um relacionamento, mas os maus odores do corpo, isso, meus caros, infelizmente não dá. Embora seja natural e comum a qualquer pessoa, aquele cheirinho desagradável, que é causado por inúmeras bactérias e fungos presentes no organismo e exalado por diversas áreas do corpo, precisa ser controlado para não gerar situações constrangedoras a dois e muito menos comprometer o clima de comemoração do Dia dos Namorados.

Por isso, anote os quatro odores que podem colocar em cheque qualquer romance e descubra como você pode evitá-los. As dicas são simples e fáceis de colocar em prática no dia a dia. Olha só! 🙂

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

Chulé
Causado, normalmente, pelo suor excessivo dos pés, o famoso chulé pode ser evitado com pequenas ações para tirar o tênis ou o sapato sem medo, como lavar bem os pés com sabonete e secá-los adequadamente após o banho, principalmente entre os dedos. Além disso, vale a pena colocar os sapatos no sol depois de usá-los, nunca utilizar o mesmo calçado por dias seguidos e usar talcos ou sprays antitranspirantes ou antibacterianos, que também ajudam a diminuir a transpiração e eliminar as bactérias causadoras do mau cheiro característico da região.

Mau hálito
Não há nada mais “quebra clima” do que o famoso bafo. Ele pode ter muitas causas, sendo a principal delas bem fácil de resolver. Basta escovar bem os dentes e, ao realizar a higiene bucal, lembrar de escovar a língua também, pois é nela que os resíduos de alimentos ficam alojados, favorecendo a fermentação e, por consequência, o odor ruim. Deficiências renais ou hepáticas, gengivite, periodontite e cáries mais extensas também são possíveis causas de mau hábito e pedem um tratamento apropriado. Fique de olho!

“Cecê”
Bastante comum, principalmente entre os homens, o mau cheiro das axilas pode ser causado pelo acúmulo de suor na região. Por isso, lave bem a área com sabonete e aplique um bom desodorante antitranspirante para que ele nunca mais apareça. Porém, caso você perceba que o odor volta depois de algumas horas, higienize as axilas novamente e reaplique o produto.

Odores íntimos femininos
Muitas mulheres não sabem, mas a região íntima feminina tem muito mais glândulas sudoríparas do que as axilas, o que favorece não só a proliferação das bactérias e fungos naturais da área, mas também o agravamento do cheiro característico da região. “A vagina tem um odor próprio que só pode ser notado quando há proximidade ou toque. Ele existe por conta da ação de bactérias da flora normal da área, que mantém o seu equilíbrio. Os principais agentes dessa flora são os lactobacilos chamados Doderlain . No entanto, quando esse cheiro passa a ser notado sem que haja aproximação, a mulher pode estar com uma inflamação da vulva ou da vagina (nesse caso com corrimento e coceira), devendo realizar um exame ginecológico e tratamento específico”, indica Dra. Patricia Varella, ginecologista pela Universidade de São Paulo (USP) e porta-voz da Vagisil.

Porém, se houver um odor mais forte na região genital, que incomode, cause constrangimento, mas não apresente os sinais citados acima, a recomendação é colocar em prática algumas medidas para minimizá-lo. “Nesses casos, pedimos para a mulher privilegiar o uso de roupa íntima de algodão, evitar ao máximo o uso de absorventes diários, higienizar a região externa com água e papel higiênico (sempre tomando o cuidado de passar o papel da frente para trás), trocar o absorvente externo ou interno a cada três ou quatro horas e finalizar a higiene com um desodorante íntimo neutro”, informa a especialista.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Norte de Minas - Acidente deixa uma pessoa morta na BR-251

Norte de Minas – Acidente deixa uma pessoa morta na BR-251

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.Norte de Minas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).