Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Dom José Alberto Moura, comemora seus 25 anos como Arcebispo

Montes Claros – Dom José Alberto Moura, comemora seus 25 anos como Arcebispo

Montes Claros - Dom José, comemora seus 25 anos como Arcebispo
Montes Claros – Dom José, comemora seus 25 anos como Arcebispo

.

Acreditei, por isso falei

Natural de Ituiutaba no Triângulo Mineiro, o segundo Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Montes Claros, Dom José Alberto Moura, possui licenciatura em Pedagogia e especialização em Psicanálise Clínica (Distúrbios da Comunicação), Mestrado e Doutorado em Teologia. Mas, sua maior virtude está na condição como conduz o seu rebanho, sempre valorizando a vida, promovendo a solidariedade e semeando a paz entre o povo dessa Arquidiocese sertaneja, terra para a qual foi enviado na rica missão de evangelizar. Vamos conhecer melhor nosso arcebispo através de dados coletados pela redação da Revista Clarão do Norte, junto à sua família, por ocasião da comemoração e celebração dos 25 anos de Sagração Episcopal. Telefonemas e e-mails facilitaram e estreitaram os laços para que fosse feito um pequeno histórico do nosso pastor nesses 44 anos de sacerdócio sendo 19 deles, atuando como padre e 25 como Bispo.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.
INÍCIO: Filho de Paterno Moura, natural de Campina Verde (MG) e Maria Marcelina de Jesus, de Ituiutaba. O menino José Alberto Moura é o quarto filho do casal que teve um total de oito filhos. José nasceu na fazenda Campo Alegre município de Ituiutaba. Teve uma família grande. Eram quatro meninos e quatro meninas. Pela ordem de nascimento são: Helena Thereza de Moura Carvalho, Corinta Conceição de Moura Severino, Paulo Moura, José Alberto Moura, Tarcísio Moura, Stela Maria de Moura Derze, Dalva Maria de Moura Assis e Luís Natal de Moura.
INFÂNCIA: José teve uma infância feliz ao lado de seus pais e irmãos. A família sempre foi unida e religiosa. Conta uma das irmãs que a vocação de dom José aconteceu ainda criança, aos nove anos de idade. Dois fatos justificam sua afirmação: A primeira foi uma redação escolar, da 3ª série primária em que afirmou querer ser padre. A segunda foi a chegada do religioso por nome Roberto, tido como santo,” passando por nossa residência quando procurava assinantes para uma revista estigmatina, profetizou que o menino José Alberto seria padre”.
FAMÍLIA: Dentro de casa sempre houve muito carinho e respeito por ele. Quando visitava a família havia muita alegria. Brincalhão como sempre, fazia a festa. Ele tinha  os seus momentos de oração e recolhimento que eram respeitados por todos. Dom José, teve a felicidade de ver seus pais participarem de  suas ordenações sacerdotal e episcopal;

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

.
ORDENAÇÃO EPISCOPAL: Quando tivemos notícias da sua ordenação para Bispo, ficamos eufóricos, e agradecidos a Deus por esta graça especial. A cerimônia de sua ordenação foi realizada num ginásio de esportes, com a participação da comunidade católica, entusiasmada por ser ele o 1º Bispo ituiutabano. Foi nomeado para a cidade de Uberlândia. Sempre o “tadinho” do Zé funcionava. Era a expressão que mamãe usava, quando se lembrava dele , para lhe guardar alguma guloseima. Dom José pôde, dentro do possível, dar assistência espiritual e presencial no fim da vida de nossos pais que, ficavam muito emocionados ao vê-lo chegar em casa. Mamãe, acamada por mais de seis anos sem falar nem andar, sorria quando o via chegar.
ARCEBISPO DE MONTES CLAROS: Nossos pais já haviam falecido quando foi nomeado Arcebispo de Montes Claros. O nosso sentimento com relação a este novo fato, foi uma mistura de euforia e um pouco de tristeza em função da distância, pois, já havíamos acostumado com ele mais próximo de nós. Nas várias vezes que o visitamos em Montes Claros gostamos do acolhimento dessa gente boa, seu espírito religioso e humilde que, nos faz sentir que D. José é amado e querido por todos.
CONGREGAÇÃO: A Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo (CSS), em latim: Congregatio a Sanctissimis Stigmatibus Domini Nostri Iesu Christi, é uma congregação religiosa fundada em 04 de novembro de 1816, por São Gaspar Bertoni, na cidade de Verona, no norte da Itália. A Espiritualidade de Padre Bertoni era de cunho inaciano, e ele pregou inúmeros sermões que foram agrupados pelos padres estigmatinos. E o carisma Estigmatino se identifica pelo espírito de comunhão de seus integrantes, como se fossem um só coração e uma só alma. Desempenham suas ações no campo missionário, inclinando-se ao serviço dos bispos nestas missões e à educação da juventude.
Por Viviane Carvalho
.
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Jerusia Arruda

Coluna da Jerusia Arruda – Direto de Brasília

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Coluna da Jerusia …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).