Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna – Fragmentos Diários; (Aumento e também invento)

Coluna – Fragmentos Diários; (Aumento e também invento)

E tinha uma placa estranha em um muro de um certo lote nas proximidades de Glaucilência, “Hoje é o seu dia de sorte, quer dar um cavalo de raça  neste lote?” Mas norte mineiro roedor de pequi é sarrabieiro, primeiro assunta, fica de bistunta e depois ao ver que é ruim a parada, cai no capim, monta no porco, vira gás, casca o pira, mas ali não fica. A placa ficou dependurada durante uma semana e ninguém quis dar um cavalo naquele lote. Até que o fazendeiro dono de vastas terras a perder de vista, resolvera mudar o texto que segundo seu filho que mora em Montes Claros tinha duplas e maliciosas interpretações “Troco este lote por um  cavalo de raça!” No mesmo dia a fila de cavalos chegava em Juramento, tinha até um Jegue importado do Iraque cantando na musica “rapariga do bomfim. Quem não gostou nada da mudança da placa foi Patrick de Zé Perna da comunidade Do Brechó, segundo ele havia visto a placa, mas precisa se preparar para agradar o animal…

Injustiças

Fernando Collor de Mello aquele ex-presidente do Impeachment e o mesmo que se envolvera em todos os escândalos de corrupção no Brasil nos últimos anos, fora do país ajudara na matança das baleias no oceano pacifico, também é responsável direto por plantar drogas nas bagagens de 02 brasileiros fuzilados na Indonésia, Como atual Senador ele não poderia ficar de fora de mais escândalos e está até o nariz enfiado na corrupção da Petrobrás, Collor surpreendeu a todos em entrevista desta semana, quando disse que houve excesso por parte da Justiça, ele pode até não ser inocente, mas tomar-lhe o carro importado é falta de amor no coração e fé em Deus.

Outro “injustiçado é José Maria Marins, ex-presidente da CBF, esse só não roubou  mais que Maluf por falta de assessores espertos. Segundo ele que continua preso, o momento é da nação brasileira ajoelhar e pedir que Deus lhe conceda a liberdade, pois já está velho e suas juntas precisam de massagem com óleo Coreano feita pela “Zuzú, sua secretária particular. Proclama que a justiça não está levando em conta sua idade e sua osteoporose nem a gota e flatulência.

Riso da hora

Uma loira entra no consultório,puxa a cadeira, senta e fica um bom tempo olhando pra cara do doutor. Alguns minutos depois o médico pergunta:

– Pois não, o que a senhora sente?

A loira responde:

– Quem tem que saber é você. Você não é o médico?

O médico abaixa a cabeça, escreve um endereço no papel, entrega para a loira e diz:

– Vá nesse lugar, que esse doutor vai resolver seu problema, pois ele é especialista em diagnosticar o paciente sem precisar conversar.

A loira pergunta:

– E qual a especialidade dele?

O doutor responde:

– Ele é veterinário.

Fica assim, amanhã tem mais..

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).