Inicio » Nacional » Brasil – Homem acelera ao invés de frear e carro fica pendurado em parede no Espírito Santo

Brasil – Homem acelera ao invés de frear e carro fica pendurado em parede no Espírito Santo


Reviewed by:
Rating:
5
On 15 de agosto de 2015
Last modified:15 de agosto de 2015

Summary:

Brasil - Homem acelera ao invés de frear e carro fica pendurado em parede no Espírito Santo

Motorista morava no prédio e não se feriu no incidente Foto: Divulgação/Polícia Militar e Corpo de Bombeiros
Motorista morava no prédio e não se feriu no incidente
Foto: Divulgação/Polícia Militar e Corpo de Bombeiros

.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

.

Um motorista de veículo automático, modelo Cruze, ficou com seu carro pendurado em prédio residencial no bairro de Colatina Velha, no Noroeste do Espírito Santo, na manhã desta sexta-feira (14). Ele contou à polícia que ao invés de frear, acelerou o carro e, com o susto da troca, continuou acelerando. O carro ficou pendurado a 15 metros de altura do chão.

Homem passou 20 minutos pendurado esperando o resgate Foto: Divulgação/Polícia Militar e Corpo de Bombeiros
Homem passou 20 minutos pendurado esperando o resgate
Foto: Divulgação/Polícia Militar e Corpo de Bombeiros

O homem, de 30 anos, morava no prédio e não se feriu no incidente; ele passou 20 minutos pendurado esperando o resgate.

Ele foi resgatado por uma equipe do Corpo de Bombeiros que o retirou pela parte de trás do veículo. A Polícia Militar disse que não foi feito o teste do bafômetro porque o motorista não apresentava sinais de embriaguez.

Para a remoção, o carro foi amarrado a uma pilastra da garagem e puxado por um guincho, com o auxilio de cordas e uma roldana. Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, a estrutura do prédio não foi abalada; o carro não atingiu nenhuma pilastra de sustentação, apenas tijolos.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).