Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Homem casado é preso por calote em travesti e mentir para a policia

A policia militar registrou ocorrência de tentativa de agressão contra um vigia ao longa da avenida Dulce Sarmento, o homem de 47 anos que estava na porta de um estabelecimento comercial onde trabalha disse ter sido agredido por Jovaldo Marcos de Assunção, vulgo Xaninha, travesti conhecido nos meios de prostituição. O vigia estava com um hematoma na cabeça desferido por um pedaço de madeira que não estava mais no local, e ainda arranhões de unha pelo corpo. A versão do vigia era de tentativa de assalto, mas o travesti contestou, dizendo que passava pela avenida quando o homem o chamou para perguntar quanto seria o programa, após ouvir o valor tentou pechinchar, conseguindo a redução de 30 reais, sendo então um programa básico por 20 reais ali mesmo na parede, relata ainda que o vigia preferiu ser passivo “para experimentar” a queimada na arruela, após concluírem o ato, o vigia disse que queria mais uma sessão, desta vez como ativo ou não pagaria, foi então que o travesti confessa que achou o porrete e deu nele  que tentava se defender quando a PM passou. O homem chorou e jurou com a mão em cima do novo testamento que era evangélico desde os dez anos de idade, que o demônio estava lhe perseguindo até no seu trabalho. A PM via radio pediu que analisassem as imagens da câmera olho vivo que fica próximo ao local, pouco depois o relatório; “Positivo Copom, a imagem mostra sem duvidas que o travesti está em posição de arqueiro enquanto o vigia de quatro é mostrado em duas versões, pouco depois se abraçam e conversam por alguns minutos até que se iniciam as agressões”. Após o relatório foi dado a voz de prisão e o vigia preso. 

Troca de endereços

O dia do aniversário é sempre uma data muito especial, abraços e flores são lugares-comuns, mas quando o presente é um vibrador a coisa muda, principalmente para uma mulher casada de marido possessivo. Foi o que aconteceu com Laudir do Bairro JK, ela tem o mesmo nome da garota de programa que tem outro nome, mas seu codinome é Laudir e mora do outro lado da cidade, porém a rua tem o mesmo nome. A iguaria foi enviada por Glauco um cliente da moça que anda gostando dos serviços, mas ao invés  de ir para um bairro foi parar em outro. Na hora de abrir os presentes que estava sobre a mesa, Laudir  tivera os olhos vendados, e o marido abriria lendo  as mensagens, quando pegou o vibrador e leu a dedicatória  de Glauco em pleno  microfone, sentiu um troço que só voltou com a cardioversão do SAMU. 

Coisas Bizarras da Internet

“Oi gente meu nome é Perivaldo e sou o novo membro do Clube dos Cornos da Bahia, mas exijo respeito quando se dirigirem a mim, pois tomei foi chifre e cerveja Itaipava!”

“Ultimamente estou peidando sem sentir, e o pior é que numa destas caguei na calça na casa da minha sogra, alguém pode me ensinar um remédio bom para isso, minha noiva disse que da próxima vez que acontecer ela me troca por outro, pelo amor de Deus eu não quero perdê-la!” 

Riso da Hora

No consultório seu Zé reclama; “Doutor pelo amor de Deus tire esta doraiada de mim, olha encosto o dedo na cabeça dói, encosta na perna dói, no nariz dói, é incrível doutor dói tanto que até na parede dói”. Após uma observação o medico diz: “Seu Zé é melhor o senhor ter um repouso com este dedo está bom! Vou encaminhá-lo a  Ortopedia”. 

Fica assim,  amanhã tem mais…

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).