Inicio » Nacional » Câmara Federal aprova anistia de multas por falta do extintor de incêndio

Câmara Federal aprova anistia de multas por falta do extintor de incêndio

A proposta final fala em concessão da anistia a veículos multados pela antiga infração a partir de 1º de janeiro de 2015.

Câmara Federal aprova anistia de multas por falta do extintor de incêndio
Câmara Federal aprova anistia de multas por falta do extintor de incêndio

.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

.

A Câmara dos Deputados aprovou na tarde desta quinta (1°) uma proposta que pode gerar novos gastos para os Estados ao anistiar condutores de veículos multados pelo não uso de extintor de incêndio ou pela utilização do equipamento vencido.

“As Secretarias de Fazenda das Unidades da Federação deverão, no prazo de três meses após a publicação desta lei, ressarcir todos os condutores que houverem efetuado o pagamento da infração”, estabelece o projeto.

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

O texto inicial não estabelecia um prazo para o ressarcimento, o que foi acrescentado por uma emenda apresentada em plenário. A proposta final fala em concessão da anistia a veículos multados pela antiga infração a partir de 1º de janeiro de 2015.

A proposta é avalizada duas semanas depois que o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) revogou a obrigatoriedade de veículos de passeio portarem extintores de incêndio – resolução anterior estabelecia que os automóveis deveriam circular com extintores do tipo ABC a partir de 1º de outubro.

O autor do projeto é o líder do DEM, Mendonça Filho (PB) que argumentou contradições na legislação do Denatran sobre o uso do equipamento.

“Tal obrigatoriedade apenas onerou os motoristas brasileiros que se viram forçados a adquirir um equipamento que nunca apresentou resultados satisfatórios”, alegou na justificativa de sua proposta.

O projeto foi apresentado no dia 23 de setembro e teve tramitação recorde – Mendonça é aliado do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), responsável pela pauta do plenário.

Em uma semana, o texto foi avalizado pela CVT (Comissão de Viação e Transporte) e teve um requerimento de urgência aprovado no plenário que saltou a fase de votação na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), onde deveria ser analisada a constitucionalidade dos termos propostos.

Como se trata de proposta originada na Câmara, a proposta agora segue para o Senado, onde deve passar por comissões de mérito, antes de seguir para o plenário. Caso seja aprovado, o texto vai à sanção da presidente Dilma Rousseff.

Da FolhaPress

.
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).