Inicio » Últimas » Montes Claros Vôlei cumpre função social e repassa donativos à Fundação Sara

Montes Claros Vôlei cumpre função social e repassa donativos à Fundação Sara

Montes Claros e Minas fizeram grande partida no último dia 19, diante da torcida no Caldeirão. E a torcida retribuiu o carinho de forma solidária. A assistente social da Fundação Sara, Rosana Soares, foi ao Ginásio Poliesportivo, nosso Caldeirão, para receber os donativos arrecadados no jogo que vencemos por 3 a 1.

Montes Claros Vôlei cumpre função social e repassa donativos à Fundação Sara
Montes Claros Vôlei cumpre função social e repassa donativos à Fundação Sara – Foto: Fredson Souza

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

A Fundação Sara atua há mais de 17 anos prestando um belo serviço assistência às crianças vítimas do câncer infanto-juvenil. A ação em parceria com o Montes Claros foi em apoio ao à campanha Setembro Dourado, que visa alertar a população sobre a importância do diagnóstico precoce da doença.

Para auxiliar as famílias e aumentar as chances de cura, Rosana diz que a Fundação tem o Programa Agilizar, que visa realizar o diagnóstico precoce da criança do câncer. “Nós capacitamos profissionais da área de saúde sobre os sinais e sintomas do câncer infanto-juvenil, que entram em contato conosco para encaminhamento”, explica a assistente social. “Nos próximos dias iremos a Bocaiuva (região do norte de Minas) realizar a capacitação com profissionais de lá.”

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

Por meio de parcerias e doações, a Fundação Sara, que é uma instituição sem fins lucrativos, encaminha as crianças aos hospitais de Montes Claros para realização de exames e tratamentos.

Apesar da campanha de conscientização acontecer no mês setembro, as crianças atendidas pela fundação necessitam de apoio durante todo o ano. Por ser uma das maiores instituições do país quando o assunto é câncer infanto-juvenil, a Fundação Sara necessita de apoio em tempo integral para poder atender todos os seus pacientes beneficiados. Não apenas alimentos, roupas ou ajuda financeira, mas também mão de obra, como lembra Rosana. “Precisamos de voluntários na área de transporte, plantão, na Escola Viva.”

As crianças vítimas do câncer, geralmente deixam de frequentar a escola regular para seguirem com o tratamento da doença. Pensando nisso, a Fundação Sara criou o projeto Escola Viva, que realiza o apoio pedagógico dentro da própria insituição. “Desta forma, terminando o tratamento, a criança volta para a escola de origem, mas sem ter perdido nada. É uma forma de reintegração e reinserção com qualidade.” E, para a escola, a fundação também necessita de voluntários, inclusive professores.

Você também pode ajudar mais este grande projeto da nossa comunidade, durante o ano inteiro. A Fundação Sara se expandiu, e hoje atende várias cidades e regiões, incluindo a Grande BH. A sede original, de Montes Claros, serve de satélite para toda a região do norte de Minas. Você pode conhecer mais sobre o projeto no site da fundação, www.fundacaosara.org.br, e pelo telefone (38) 3214 5500.

Por Cid Bruno

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

De compra pela internet a mesada, veja opções de uso do cartão pré-pago internacional ZenCard MasterCard

De compra pela internet a mesada, veja opções de uso do cartão pré-pago internacional ZenCard MasterCard

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.De compra pela …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).