Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Governo de Minas investe na divulgação e na comercialização do artesanato mineiro

Norte de Minas – Governo de Minas investe na divulgação e na comercialização do artesanato mineiro

Convênio firmado entre Idene e o Ceart-MG garante patrocínio a eventos como a Feira Mineira de Artesanato de Tiradentes, no próximo fim de semana

Norte de Minas - Governo de Minas investe na divulgação e na comercialização do artesanato mineiro
Norte de Minas – Governo de Minas investe na divulgação e na comercialização do artesanato mineiro

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

O Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene) assinou convênio com o Centro de Artesanato Mineiro (Ceart-MG), no valor de R$ 245 mil, para incentivar o artesanato dos Vales do Jequitinhonha, Mucuri, Rio Doce, São Mateus e Norte de Minas Gerais.

Os recursos serão destinados à promoção, divulgação e comercialização dos trabalhos feitos nessas regiões, beneficiando cerca de mil artesãos.

Segundo a coordenadora do programa Artesanato em Movimento, do Idene, Marina Magalhães, o convênio viabilizará a participação dos artesãos em feiras e exposições tradicionais e de grande projeção nacional. “As feiras são os principais canais de divulgação e comercialização do artesanato mineiro, onde são fechados negócios tanto no atacado quanto no varejo”, afirma Marina Magalhães.

A coordenadora do programa Artesanato em Movimento ressalta que, além de gerar renda, a participação dos artesãos em eventos locais e nacionais cria oportunidades para a divulgação da riqueza e da cultura regional.

Destacando a parceria com o Idene, a gerente geral do Ceart-MG, Cláudia Barbosa, salienta que essa cooperação técnica e financeira “consolida ações que promovem o desenvolvimento sustentável das cadeias produtivas do artesanato mineiro”.

O Ceart-MG é um dos gerenciadores dos projetos de comercialização dos trabalhos dos artesãos dos Vales do Jequitinhonha, Mucuri, São Mateus, Rio Doce e Norte do estado.

.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

.

Destaque econômico

Minas Gerais é mundialmente reconhecida pela produção de artesanato em diferentes regiões. Além de rica, a atividade é destaque no desenvolvimento da economia mineira e na geração de renda. Hoje existem cerca de  250 mil artesãos em Minas Gerais. Segundo pesquisa do Instituto Centro de Capacitação e Apoio ao Empreendedor (Centrocape), uma ONG mineira, cada artesão gera em média cinco empregos.

O setor movimenta, em Minas Gerais, aproximadamente R$ 2,3 bilhões por ano. E a expectativa da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) e do Idene é que, neste ano, só nas feiras de artesanato que têm o apoio do Governo de Minas Gerais, serão comercializados cerca de R$ 2 milhões, o mesmo resultado de 2014.

Feiras e exposições

O acordo de cooperação técnica e financeira entre o Idene e o Ceart-MG  vai viabilizar a realização dos seguintes eventos:

– exposição em comemoração ao dia do artesão, em março de 2016;

–  a tradicional feira Nossas Mãos, que acontece em Brasília, em abril de 2016;

– a mostra Minas em Minas, em Poços de Caldas, também em abril de 2016;

– 17ª  Fenearte (Feira Nacional de Negócios do Artesanato), a maior feira de artesanato da América Latina,  a ser realizada em Recife, em julho de 2016.

– a Feira Nacional de Artesanato, em dezembro deste ano;

– a Feira Mineira de Tiradentes, que acontece neste fim de semana.

Valorização da cultura popular

A 12ª edição da Feira Mineira de Artesanato de Tiradentes, que começa nesta sexta-feira (30/10) e vai até a próxima segunda-feira (2/11),  receberá trabalhos produzidos em diferentes regiões de Minas Gerais. O evento tem o objetivo de preservar e valorizar a cultura popular e a diversificação do artesanato.

Neste ano, a feira acontece no Centro de Convenções Santíssimo Resort, em um espaço destinado a cerca de 500 artesãos. A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais montará um estande no local para prestar atendimento aos expositores e participantes.

A expectativa é de que cerca de 30 mil visitantes participem da mostra deste ano, conhecendo sobre os trabalhos desenvolvidos em cidades mineiras como Chapada do Norte, Minas Novas, Turmalina, Padre Paraíso, Senador Modestino, Presidente Kubitscheck e Diamantina.

Parceiros

Além da Sede, a feira conta com apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Integrado do Norte e Nordeste de Minas Gerais e do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste do estado (Sedinor/Idene), por meio do Programa Artesanato em Movimento.

O evento é realizado em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (Sebrae-MG) e o Centro de Artesanato Mineiro (Ceart-MG).

Serviço/Feira Mineira de Artesanato de Tiradentes

Local: Centro de Convenções Santíssimo Resort – Rua dos Inconfidentes 140 – Centro de Tiradentes.

Horários de funcionamento:

30/10 – Sexta-feira – 16h às 22h

31/10 – Sábado – 10h às 22h

01/11 – Domingo – 10h às 22h

02/11 – Segunda-feira – 10h às 19h

Entrada Gratuita

Da Agência Minas

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).