Inicio » Economia » Empresas têm até o dia 31/12 para evitar Cancelamento Administrativo, alerta Jucemg

Empresas têm até o dia 31/12 para evitar Cancelamento Administrativo, alerta Jucemg

Empresas têm até o dia 31/12 para evitar Cancelamento Administrativo, alerta Jucemg

Ao todo, 38.583 empreendimentos estão sujeitos ao cancelamento.

Empresas têm até o dia 31/12 para evitar Cancelamento Administrativo, alerta Jucemg
Empresas têm até o dia 31/12 para evitar Cancelamento Administrativo, alerta Jucemg

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

Até início de dezembro, somente 1.972 empresas arquivaram documento na Junta Comercial de Minas Gerais, a fim de evitar o Cancelamento Administrativo de 2015.  O prazo para as empresas se movimentarem termina em 31/12, conforme o edital de notificação publicado desde julho pela Jucemg. Ao todo, 38.583empreendimentos estão sujeitos atualmente a serem cancelados administrativamente.

Caso não atendam ao chamamento público, as empresas poderão ser declaradas inativas pela Receita Estadual, como ocorreu ano passado, quando mais de três mil negócios tiveram que solicitar a reativação para permanecer ativos perante aos órgãos públicos. O cancelamento ocorre quando a empresa não arquivar qualquer documento na Jucemg nos últimos dez anos consecutivos, desde janeiro de 2005.

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

O responsável deve comunicar à Jucemg, dentro do prazo estipulado, que deseja mantê-la em funcionamento, ou informar a paralisação temporária de suas atividades, ou ainda arquivar alterações contratuais ocorridas na ultima década.

Em 2014, 32.076 empresas foram canceladas administrativamente. Estão sujeitas ao Cancelamento Administrativo anual as sociedades empresárias, os empresários e as cooperativas. A medida é feita com base nas disposições do artigo 60 da Lei Federal 8.934/1994, nos artigos 32, inciso II, alínea “h” Decreto Federal 1.800 de 30/01/1996, e ainda no art. 1º da Instrução Normativa DREI Nº 5 de 5 de dezembro de 2013.

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).