Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Câmara Municipal aprova orçamento de R$ 1,4 bilhão para o ano de 2016

Montes Claros – Câmara Municipal aprova orçamento de R$ 1,4 bilhão para o ano de 2016

Montes Claros – Câmara Municipal aprova orçamento de R$ 1,4 bilhão para o ano de 2016

A Câmara Municipal de Montes Claros aprovou, na manhã desta terça-feira (15), Projeto de Lei n° 112/2015, que estima a receita e fixa despesa do município de Montes Claros para o exercício de 2016, no valor de R$ 1,472 bilhão.

Montes Claros - Câmara Municipal aprova orçamento de R$ 1,4 bilhão para o ano de 2016
Montes Claros – Câmara Municipal aprova orçamento de R$ 1,4 bilhão para o ano de 2016

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

Neste ano, o orçamento a ser executado é de aproximadamente R$ 1,100 bilhão. De acordo com o gerente de Orçamento e Controle do Município, Francisco Aparecido Lima Santos, O PL votado e aprovado nesta terça-feira pela Câmara de Vereadores define as principais ações que o Executivo deve fazer no próximo ano, bem como a arrecadação fiscal.

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

Já o secretário municipal de Planejamento e Gestão, Wagner Santiago, afirma que a proposta orçamentária sempre tem a mesma estrutura, o que muda é a essência, a necessidade atual do município. Ele ainda destaca como é estabelecido o valor dos recursos para cada área. Disse que o prefeito Ruy Muniz esteve reunido há alguns meses com todos os secretários para ouvir a demanda de cada setor e depois de vários planejamentos foram estipulados os valores.

O orçamento municipal ficou assim definido:

Poder Legislativo: R$ 18,170 milhões; Gabinete do Prefeito e do Vice-Prefeito: R$ 2,990 milhões; Procuradoria Geral: R$ 11,370 milhões; Secretaria de Planejamento e Gestão: R$ 51,190 milhões; Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente: R$ 88,630 milhões; Secretaria de Esporte, Juventude e Cultura: R$ 32,720 milhões; Secretaria de Desenvolvimento Social: R4 26,730 milhões; Secretaria de Educação: R$ 303,782 milhões; Secretaria de Finanças: R$ 30,367 milhões; Secretaria de Saúde: 447,600 milhões; Secretaria de Infraestrutura e Planejamento Urbano: R$ 311,270 milhões; Secretaria de Administração Regional e Articulação Política: R$ 1,660 milhão; Secretaria de Serviços Urbanos: R$ 37,315 milhões; Secretaria de Defesa Social: R$ 22,435 milhões; Controladoria Geral: R$ 1,265 milhão; Instituto Municipal de Previdência dos Servidores Públicos – Prevmoc: R$ 51,300 milhões; Assessoria de Comunicação: R$ 4,560 milhões; Agência Municipal de Água, Saneamento Básico e Energia: R$ 1 milhão; Instituto Municipal de Desenvolvimento Urbano – IDM: R$ 560 mil; Empresa Municipal de Planejamento, Gestão e Educação em Trânsito e Transporte – MCTrans: R$ 12,186 milhões; e Empresa Municipal de Serviços, Obras e Urbanização – Esurb: R$ 14,900 milhões.

.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).