Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Tenente Coronel fala da técnica utilizada pelos militares ao deter uma mulher no Hospital da Santa Casa

Montes Claros – Tenente Coronel fala da técnica utilizada pelos militares ao deter uma mulher no Hospital da Santa Casa

Montes Claros – Tenente Coronel fala da técnica utilizada pelos militares ao deter uma mulher no Hospital da Santa Casa

Por volta das 14:50 horas  desta quinta feira 21/01/2016, compareceram na Aisp 98 Centro de Montes Claros,  os militares que foram convidados para prestarem esclarecimentos sobre o fato que repercurtiu nos meios de comunicação e rede sociais no dia 15/01/2016. Quando uma mulher, insultava um segurança do Pronto-socorro da Santa Casa de Montes Claros.

Tenente Coronel Ederson da Cruz Pereira, do Décimo Batalhão da Polícia Militar em Montes Claros
Tenente Coronel Ederson da Cruz Pereira, do Décimo Batalhão da Polícia Militar em Montes Claros

 

.

Na ocasião a mulher foi detida por militares, que tiveram que mobilizar com técnicas, conforme ensinamentos doutrinários da Polícia Militar.

Na data de hoje (21/01/2016), o Jornal Montes Claros conversou com Exclusividade com o Tenente Coronel Ederson da Cruz Pereira, do Décimo Batalhão da Polícia Militar em Montes Claros, que reportou sobre os procedimentos a serem tomados a partir desta data.

De acordo com o Tenente Coronel Ederson, em nenhum momento, viu nos vídeos, excesso de força dos militares junto a senhora.

As técnicas de mobilização, que foram  efetuadas pelos militares, são técnicas comuns, aplicadas no dia a dia, por qualquer militar quando requer fazer a mobilização, para garantir a ordem e o sossego.

E naquele momento, se fez necessário.

Perguntei sobre a repercussão nos meios de comunicação:

Elogiou a imprensa, e os profissionais que diariamente apuram com seriedade os fatos para garantir a informação junto a sociedade, e que o mais importante é defender uma entidade séria, e seus militares, que estão a serviço do bem coletivo. E que todas as medidas serão tomadas no momento certo.

O Tenente Coronel Ederson, ao sair da Aisp 98, comunicou que os militares não precisaram ser ouvidos, e que breve será marcado uma audiência no Juizado Especial.

Conversei também com o Delegado Carlos Alexandre Gomes dos Santos, que conversou com o Tenente Coronel Ederson.

Comunicou que a senhora será ouvida na data de amanhã (22/01/2016).

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Mortes por afogamento crescem 14% em Minas Gerais

MG – Mortes por afogamento crescem 14% em Minas Gerais

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.MG – Mortes …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).