Inicio » Minas Gerais » Centro de Minas » MG – Lama volta a vazar de barragem da Samarco e alerta é acionado

MG – Lama volta a vazar de barragem da Samarco e alerta é acionado

 

Parte da lama remanescente da barragem de Fundão, que rompeu em novembro do ano passado, em Mariana, na região Central de Minas, vazou na tarde desta quarta-feira (27). A informação é da Defesa Civil do município.

Em novembro, tragédia causou a morte de 17 pessoas e deixou dois desaparecidos
Em novembro, tragédia causou a morte de 17 pessoas e deixou dois desaparecidos

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, parte de um dos diques, construídos para conter o vazamento de 2015, rompeu. “O material não chegou a sair da área industrial de mineradora. Atingiu apenas parte da barragem de Santarém, que fica logo abaixo da estrutura rompida”, explicou o tenente Farah, um dos que coordenam a operação de resgate na região afetada.

.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

.

O alerta amarelo foi acionado no município e funcionários da mineradora tiveram que evacuar o local.

A assessoria de imprensa da Samarco Mineradora informou que está apurando o caso.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).