Inicio » Minas Gerais » Belo Horizonte » MG – Homem sai de casa para trocar arroz por droga e é morto a pedradas

MG – Homem sai de casa para trocar arroz por droga e é morto a pedradas

 

Ex da vítima contou à Polícia Militar (PM) que o homem estava consumindo bebida alcoólica antes de morrer.

MG - Homem sai de casa para trocar arroz por droga e é morto a pedradas
MG – Homem sai de casa para trocar arroz por droga e é morto a pedradas

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

Um homem foi morto a pedradas, durante a madrugada desta quinta-feira (4), em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com relato da ex-mulher da vítima à Polícia Militar (PM), ele teria saído de casa para trocar um saco de arroz por droga.

No caminho, Ivanilson Welder de Freitas, 48, teria consumido bebidas alcoólicas. A vítima foi encontrada sem vida no bairro Nova Contagem.

Até o momento, não se sabe quem o matou e por qual motivo.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros - PM procura por autores de roubo a posto de saúde no bairro Morada do Sol

Montes Claros – PM procura por autores de roubo a posto de saúde no bairro Morada do Sol

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 9 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).