Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

 

Discurso Democrático

O prefeito Ruy Adriano Muniz da cidade de Montes Claros no Norte de Minas convocou uma coletiva de Imprensa (exceto os jornais que não concordam com seu método de governar) nesta sexta-feira 26/02, para falar da perseguição política que segundo ele vem sofrendo, antes de qualquer pergunta o chefe do executivo deixou claro que não responderia a nada que lhe fosse dirigido apenas desabafaria aquilo que julgasse necessário dizer.

“Boa tarde senhoras e senhores da imprensa justa e amiga do progresso de Montes Claros, o motivo desta nossa conversa democrática e amigável é para dizer que sou uma vitima em potencial da maldade visível e também invisível, quero começar lembrando o caso “Banco do Brasil” até hoje não fui perdoado, até hoje não consigo entrar em qualquer banco que seja sem que um segurança fale em seu radio comunicador e policiais disfarçados de clientes comecem a andar de um lado para o outro fingindo falarem nos celulares. Sou perseguido por Santo Antonio que não arranjou um casamento para Tia Gerinha. Até o demônio desdenhou minha oferenda na encruzilhada, de acordo com o seu secretário eu dou calote, ISSO É MENTIRA DAQUELE DEMONIO DO CAPETA! Eu sou um homem honrado fiel a minha esposa, nunca trai Raquel, ajudei-a eleger-se Deputada Federal, mesmo alguns mentirosos traiçoeiros dizendo que compramos votos, outra perseguição que sofro. Sou perseguido por Católicos que falam que tomei o colégio do Padre Murta, por funcionários da Esurb que me chamam de carrasco, por minha empregada leviana que diz não ter recebido décimo terceiro e por Fernando Pimentel que me acusa de reter a verba dos hospitais e devolver depois sem os juros. Bem eis a lista completa dos meus algozes; Policia Militar, Policial Civil, Policial Rodoviária, Policia Federal, Marinha, Exército e Aeronáutica. Guarda Civil Municipal e Guardas Mirins, só ainda não me senti perseguido pela MC Trans. Também tem o Ministério Público, tem o Serviço Secreto e a Associação dos Candomblés do Estado da Bahia, eu não sei mais o que fazer para me livrar de tanta perseguição. O Paulo Guedes vai se candidatar novamente para tentar atrapalhar minha reeleição, estou certo de ficar apreensivo? E o senhor cidadão de bem MontesClarense vai ficar do meu lado ou prefere acreditar em todas as calunias que me levantam? Espero não ser perseguido pelo senhor também. 

Riso da Hora

Ruy estava sendo julgado por corrupção. Enquanto transcorria o julgamento ele aguardava em sua casa nervosamente. De repente, toca o telefone e o advogado diz, sem esconder a euforia:
Ruy finalmente a justiça foi feita! Então ele gritou,

– Puta que pariu! Eu sabia que não podia confiar em você seu incompetente do caralho!! Um silêncio profundo por parte do defensor enquanto o prefeito desabafava. – E agora tem mais alguma coisa a dizer! – Sim Ruy você foi absolvido das acusações.

Fica assim, amanhã tem mais…

Por Hesido José

Hesiodo José
Hesiodo José

PUBLICIDADE

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.Nova música de …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).