Inicio » Economia » Participação das mulheres no mercado financeiro ainda é baixa e com tendência de queda

Participação das mulheres no mercado financeiro ainda é baixa e com tendência de queda

 

Entre os analistas com certificação CFA no Brasil, as mulheres são apenas 11%, abaixo da média mundial, de 18%.

Participação das mulheres no mercado financeiro ainda é baixa e com tendência de queda
Participação das mulheres no mercado financeiro ainda é baixa e com tendência de queda

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Levantamento exclusivo feito pelo CFA Institute, responsável pelo maior programa global para a certificação de analistas de investimentos, a partir de seus mais de 136 mil membros, mostra como o número de mulheres é tímido no mercado de capitais.

O estudo evidencia que a participação de mulheres que possuem a certificação CFA é de 18% entre os analistas certificados no mundo. Comparado com outras profissões, a atuação feminina no mercado financeiro é bastante baixa. Na área jurídica, por exemplo, as mulheres representam 34%; na medicina são 48% e metade da força de trabalho do setor contábil.

Esse percentual entre os analistas só não é menor porque os resultados de alguns países puxam essa média para cima. China e Hong Kong são dois deles, com a participação de mulheres de 31% e 26%, respectivamente. Na opinião de Sonia Villalobos, presidente da CFA Society Brazil, a participação maior na Ásia se explica pelo lado cultural: “Principalmente na China, mercado de maior crescimento da certificação CFA, existe uma forte tradição de envolvimento das mulheres em finanças. A facilidade com idiomas também pode ser um fator, já que todos os exames do programa são em inglês”.

Essas estatísticas são uma boa mostra do mercado financeiro como um todo, uma vez que os analistas são profissionais relevantes dentro do setor. No Brasil, os números são ainda mais desanimadores. Aqui, as analistas representam apenas 11% do total. O número está abaixo até da participação em regiões como a África, onde as mulheres representam 17%. Dentro desse continente, no Egito, por exemplo, o percentual do público feminino de candidatos no CFA é de 29%, enquanto na África do Sul é de 16%.

Nos mercados de capitais mais desenvolvidos os percentuais são melhores que os da média global. Nos Estados Unidos e Canadá, por exemplo, o primeiro e o segundo lugares em tamanho do mercado de analistas, têm 16% e 20% de mulheres, respectivamente. Vários países europeus se encaixam nessa categoria. Na Itália e na Inglaterra, a participação feminina é de 20%; na Espanha e na França 21% e em Portugal 17%.

Infelizmente, os dados dos candidatos brasileiros do Programa CFA, isto é, dos participantes das três provas consecutivas que são parte do programa, também indicam uma tendência de queda na participação das mulheres ao longo dos anos. O percentual de candidatas CFA nos testes de junho caiu de 31%, em 2010, para 26% no ano passado, com queda em todos os anos desse intervalo. Já nas provas de dezembro, a queda foi de 35% em 2010 para 29% em 2015, com redução em todos os anos.

Para Sonia, essa trajetória de declínio é preocupante, já que acena para a possibilidade de um futuro com uma participação ainda menor das mulheres no mercado financeiro. “É preciso que as meninas sejam incentivadas a gostar de disciplinas como matemática, desde a infância. O fato de haver poucas professoras de matemática durante o ensino fundamental pode pesar na escolha das mulheres por profissões mais ligadas à área de humanas”, diz a executiva.

 

Número de candidatos para as provas CFA de junho

Ano                          Homem                      Mulher

2010                      69%                             31%

2011                70%                             30%

2012                71%                             29%

2013                72%                             28%

2014                73%                             27%

2015                74%                             26%

 

Número de candidatos para as provas CFA de dezembro

Ano                 Homem                      Mulher

2010                          65%                             35%

2011                66%                             34%

2012                      67%                             33%

2013                68%                             32%

2014                70%                             30%

2015                71%                             29%

 

Sobre o CFA Society Brazil
O CFA Program é o maior programa global para certificação de analistas de investimentos. O CFA Institute é a maior associação global de profissionais de investimentos, com mais de 135 mil membros espalhados por 150 países e territórios, e confere a certificação CFA – Chartered Financial Analyst. A CFA Society Brazil é parte de uma rede de 148 CFA Societies localizadas em 70 países. No Brasil são mais de 750 membros, em nove estados (RS, SC, PR, SP, RJ, MG, GO, DF, PE e PB), que atuam em diferentes segmentos do mercado financeiro, tais como bancos de investimento, private banking, corretoras, gestoras de recursos, boutiques de M&A, firmas de private equity, familly offices, agências de classificação de risco, provedores de informações financeiras e outras empresas do setor.

Sobre CFA Institute
O CFA Institute é uma associação global de profissionais de investimento que define o padrão de excelência e credenciais profissionais. A organização é um campeão para o comportamento ético nos mercados de investimento e uma fonte de conhecimento respeitado na comunidade financeira global. O objetivo final: para criar um ambiente onde os interesses dos investidores vêm em primeiro lugar, os mercados funcionam no seu melhor, e as economias crescem. CFA Institute tem mais de 136,600 membros em 145 países e territórios, incluindo 139,256 charterholders CFA, e 147 membros sociedades. Para obter mais informações, visite www.cfainstitute.org.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.Nova música de …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).



Um comentário