Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Sedru conclui Diagnóstico Fundiário Municipal de Montezuma

Norte de Minas – Sedru conclui Diagnóstico Fundiário Municipal de Montezuma

 

Governo de Minas Gerais entrega primeira etapa da regularização fundiária urbana para o município e aponta soluções para o reordenamento territorial;

Norte de Minas - Sedru conclui Diagnóstico Fundiário Municipal de Montezuma
Norte de Minas – Sedru conclui Diagnóstico Fundiário Municipal de Montezuma

PUBLICIDADE

///////////////////////////

O município de Montezuma, no Norte de Minas, já possui um importante instrumento para solucionar seus problemas fundiários. A Secretaria de Desenvolvimento Regional Política Urbana e Gestão Metropolitana (Sedru) realizou um Diagnóstico Municipal Fundiário, que é uma das etapas para a regularização das terras do município.

O diagnóstico, que traz a análise de aspectos urbanísticos, sociais, jurídicos e ambientais de Montezuma, foi entregue ao prefeito Ivo Alves Pereira, pelo secretário Tadeu Martins Leite, que destacou a atuação da Sedru na retomada da regularização fundiária na região do Alto Rio Pardo e o mapeamento minucioso que vai determinar quais intervenções devem ser realizadas e o modo como deverão ser implementadas.

“Uma equipe técnica da secretaria esteve em Montezuma e fez um levantamento das terras para identificar os assentamentos irregulares e verificar em que situação eles se encontram, por exemplo, se a terra ocupada tem dono, se é registrada em cartório, se está localizada em área de preservação ambiental permanente ou de risco” explica.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

O documento contém, ainda, uma análise das condições de infraestrutura de cada um dos bairros, como asfalto, esgoto e iluminação, e das condições sociais como renda, trabalho e educação, para determinar possíveis áreas de interesse social, nas quais as regras de regularização são diferenciadas e, a partir daí estabelecer para cada ocupaçãoas soluções para a sua regularização.

De posse deste diagnóstico, o próximo passo é a elaboração da Planta Cadastral Georreferenciada das áreas, que vai delimitar com exatidão os lotes a serem regularizados, a legitimação de áreas nas zonas urbanas e de expansão urbana e posterior emissão do título de propriedade da terra. Em todas estas etapas o município poderá contar com o apoio da Sedru.

Vargem Grande será o próximo município a receber o diagnóstico

No mês de fevereiro, a Sedru visitou o município de Vargem Grande, também na região do Alto Rio Pardo, paratraçar um panorama fundiário urbano do município, delimitando as áreas a serem regularizadas e identificando possíveis causas e soluções dos problemas mapeados. Foi realizada, ainda, uma audiência pública para apresentar à população as potencialidades e problemas levantados, bem como as propostas de intervenções a serem realizadas para conhecimento, discussão e aprovação da sociedade. O prazo previsto para a conclusão do diagnóstico é o final de abril.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros - PM procura por autores de roubo a posto de saúde no bairro Morada do Sol

Montes Claros – PM procura por autores de roubo a posto de saúde no bairro Morada do Sol

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 9 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).