Inicio » Colunistas » Adilson Cardoso » Coluna do Adilson Cardoso – A cura pela Urina

Coluna do Adilson Cardoso – A cura pela Urina

Carrie Steel de 54 anos é uma americana famosa no mundo inteiro, isto após sua entrevista diferente ao Jornal The Sun. Contara como conseguiu se livrar de um câncer bebendo urina. Moradora do Estado do Colorado relata que estava há poucos passos da “cova”, quando em um sonho lhe disseram que a cura para o seu mal estava naquilo que saia do seu interior. Ela então com fortes dores de cabeça provocadas por um aneurisma cerebral pediu que a voz do sonho lhe oferecesse uma pista, a voz argumentou que já estava ajudando com uma pista, o resto ela teria que conseguir. Mas seus dias estavam contados e sua preocupação em fazer experiências era a corrida contra o tempo. Carrie então se trancou no seu apartamento e começou a comer o que era retirado do seu nariz. Passando a condição de Mucofaga, todavia, as dores de cabeça não cessavam e ela sabia que seus dias estavam contados. Carrie naquele dormiu mais cedo para ficar mais tempo em contato com a entidade da voz dos sonhos, porém a voz era de um jeito malandro com sotaque de “Carioca sambista” e não dissera uma só palavra além das costumeiras, restava a ela com sua cefaléia acordar e tentar outra coisa pensou no absurdo, foi na fechadura e certificou-se de que estava trancada, verificando as janelas procurou algum ponto que pudesse ter um telescópio a lhe espiar, notando a total solidão foi ao banheiro com a tampa do vaso fechada. Ali defecara toda a comida do dia. Olhou sem querer acreditar e comeu sem degustar, torcendo que a dor de cabeça não aliviasse. Dito e feito. O desconforto continuou e ela voltou para a cama em busca de mais sonhos com a entidade da voz de malandro Carioca, mas não veio naquela noite, ela por sua conta sonhara no meio de um Pântano de fezes, cada vez que pisava o odor infiltrava nos seus poros, chorava e pedia socorro, mas os únicos seres vivos por ali eram cadavéricos Urubus sobre árvores fantasmagóricas, ela se arrastava pelo espaço mal-cheiroso e sentia que a qualquer momento seu corpo seria mergulhado para sempre naquela podridão, um fim como o ex-marido profetizara; “NA MERDA”. Mas uma esperança brotaria antes da derrocada final. Um Helicóptero com símbolo do Exercito Afegão cruzou os céus e ela gesticulou compulsivamente como podia, bateu as mãos, arrancou o sutien e balançou os seios. Mas não era o seu dia, O piloto parando sobre sua cabeça fizera abrir a comporta despejando uma chuva do mesmo componente do Pântano que cheirava ainda pior. Assim ela se afogara… Acordou ofegante com a dor que lhe partia os miolos, o pesadelo passou, mas o desconforto continuava. Abriu a porta do espelho e jogou dois comprimidos grandes e brancos na boca, mas as pernas estavam bambas e ela estava sozinha sentada no vaso, não queria morrer antes de tentar a urina que havia se esquecido, era uma pista. Pegou um copo plástico ao lado da pia e fez aquele ruído onomatopéico característico, tomou logo dois copos. Enfiou-se em baixo do chuveiro voltando nua para a cama. O vizinho do prédio ao lado mergulhou-se do décimo andar após assassinar os pais, disseram que era viciado em heroína, uma multidão se concentrou em volta do corpo que sangrava faltando pedaços, outros colocavam as cabeças para fora das janelas nos prédios em volta, o casal de idosos era fotografado com seus olhos inertes. Carrie Steel reforça na entrevista que depois dos primeiros copos de urina sua vida mudou significativamente. Curada do câncer e livre do aneurisma sorri dizendo que hoje é uma mulher livre que qualquer dor, só acrescenta que adquiriu uma paixão pela sua urina e não consegue mais viver sem tomar seus atuais cinco copos diários, fora os banhos que são mesclados de água e urina.
Adilson Cardoso
Adilson Cardoso

PUBLICIDADE

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Norte de Minas - Acidente deixa uma pessoa morta na BR-251

Norte de Minas – Acidente deixa uma pessoa morta na BR-251

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.Norte de Minas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).