Inicio » Minas Gerais » MG – Minas Gerais tem quase 5 Mil detentos nas salas de aula

MG – Minas Gerais tem quase 5 Mil detentos nas salas de aula

Da população carcerária de Minas Gerais nas unidades administradas pela Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), 4.910 detentos estão nas salas de aula.

MG - Minas Gerais tem quase 5 Mil detentos nas salas de aula
MG – Minas Gerais tem quase 5 Mil detentos nas salas de aula

PUBLICIDADE

///////////////////////////

A maioria esmagadora – 4.732- estuda em escolas instaladas nos próprios presídios e penitenciárias. No total, são 87 instituições de ensino nas unidades prisionais do Estado.

De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), 3.815 cursam o ensino fundamental, 917 estão matriculados no ensino médio e outros 178 no ensino superior.

Somente no último Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL) foram 38 detentos aprovados em cursos de graduação. Se comparado com 2014, quando 27 foram aprovados, o aumento foi de 40%.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Contudo, o número de presos fazendo graduação ainda pode aumentar, já que a saída para ir às aulas têm de ser autorizada pela Justiça.

A Seds informou que o Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi a unidade prisional do Estado que mais aprovou presos – 20 – por meio do Enem PPL/Sisu.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Nova música de Sia traz letra que empodera mulheres

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.Nova música de …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).