Inicio » Internacional » Europa » Justiça da Suíça confirma que devolverá dinheiro bloqueado de Cunha

Justiça da Suíça confirma que devolverá dinheiro bloqueado de Cunha

Justiça suíça afirmou, por meio de nota, que devolverá cerca de R$ 8,6 milhões bloqueados depois que Cunha for condenado.

Cunha tinha cerca de R$ 8,6 milhões em contas secretas na Suíça
Cunha tinha cerca de R$ 8,6 milhões em contas secretas na Suíça

PUBLICIDADE

///////////////////////////

O Ministério Público da Suíça informou que, se Eduardo Cunha (PMDB-RJ) for condenado pela justiça brasileira, devolverá ao Brasil cerca de R$ 8,6 milhões do parlamentar bloqueado desde 2015.

De acordo com o MP suiço, o Brasil “solicitou assistência legal para congelar as contas de Cunha”. Ainda segundo o órgão, “Agora, os ativos continuam bloqueados até que haja uma decisão das autoridades brasileiras ou sua liberação por parte da corte brasileira”, explicou. “Apenas depois da sentença definitiva sobre o confisco é que os ativos serão enviados ao Brasil”, completou.

Mais de US$ 120 milhões já foram devolvidos pela justiça da Suíça ao Brasil.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Sobre Cunha

Eduardo Cunha (PMDB-RJ) está afastado de seu cargo como deputado, e consequentemente da presidência da Câmara, desde a semana passada. Ele é réu em uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF), além de responder a uma denúncia e outros três inquéritos relacionados às investigações da operação Lava Jato.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Norte de Minas - Sistema Sedinor/Idene, Codevasf e a Epamig promovem seminário para discutir o futuro da macaúba na região Norte de Minas

Norte de Minas – Sistema Sedinor/Idene, Codevasf e a Epamig promovem seminário para discutir o futuro da macaúba na região Norte de Minas

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016.Norte de Minas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).