Inicio » Colunistas » Aldeci Xavier » Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

GUSTAVO E A SEDINOR

O principal assunto do ‘mundo político regional’ foi a publicação da nomeação de Gustavo Xavier para o cargo de secretário de Estado Adjunto de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Sedinor), em substituição a Juliana Pacheco, que voltou para a chefia de gabinete do deputado estadual Paulo Guedes (PT). O fato é que a indicação veio cercada de diversas dúvidas, entre elas a de que poderia ser um indício de que Guedes não retorna mais para a pasta, admitindo enfrentar as urnas em Montes Claros este ano. A este respeito, o próprio Gustavo explicou que apesar de responder pela pasta, a nomeação como adjunto se deve a acordo entre PMDB e PT de que a nomeação do cargo de secretário só acontecerá depois da votação da Reforma Administrativa, ou após as convenções. Ele citou como exemplo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Política Urbana, que após o afastamento de Tadeuzinho, continua dirigida por um adjunto.

CONTRATUALIZAÇÃO DA SAÚDE

Depois que o jornal o Norte divulgou entrevista feita por este jornalista junto ao conselheiro municipal, Roberto Coelho, que questionou o fato de depois de mais de um ano que o Estado havia assumido a saúde em Montes Claros, ainda não tinha apresentado a contratualização do serviço junto aos hospitais, a assessoria da Superintendência Regional de Saúde divulgou nota de que estava tudo certinho e que tinha mandado os documentos para o Ministério Público Federal, pedindo investigação. Em busca da verdade, talvez os representantes do Estado não se ativeram para o fato de que todas as reuniões são gravadas e o diálogo entre a superintendente, Patrícia Afonso e os conselheiros consta na referida gravação e registrado em ata. Aliás, como é pública, a própria imprensa tem interesse em ter acesso à ata, e ao áudio e vídeo da reunião.

MAIS PROBLEMAS

Além da grave situação financeira que atravessa o Estado, aliado a problemas jurídicos de ordem pessoal, o governador Fernando Pimentel começa a ser obrigado a conviver com as manifestações dos servidores públicos, fruto do descontentamento. Depois de servidores da área de saúde, a exemplo do Hospital Universitário de Montes Claros, agora é a vez dos servidores da área ambiental a exemplo do Semad, Igam, Feam, IEF e a Supram.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

SEGREGAÇÃO SOCIAL

No estudo da Sociologia, a segregação social é definida como uma separação espacial (geográfica) de um grupo de pessoas, em virtude de diversos fatores, como a raça, o poder aquisitivo, religião, etnia, educação, nacionalidade ou qualquer outro fator que possa servir como meio de discriminação. Infelizmente, como pano de fundo de uma exploração política, estamos assistindo tal comportamento em relação aos moradores do Conjunto Cidade Cristo Rei, também conhecido como “Feijão Semeado”. O anúncio da construção de casas dignas para abrigar famílias, honradas e humildes, que infelizmente, por falta de condições, convivem com pessoas ligadas ao mundo das drogas, tem servido para determinadas pessoas marginalizarem socialmente ainda mais aquelas pessoas. As casas estão previstas para serem construídas próximo à linha férrea, ao lado do Parque de Exposições João Alencar Athayde, numa distância considerável das residências do bairro Alcides Rabello. Se não bastasse, as duas áreas são separadas pelo córrego do Cintra. Além da discriminação, estamos assistindo pessoas defendendo por puro interesse pessoal e político. Discutir o assunto do ponto de vista social não é do interesse dos envolvidos.

CORAÇÃO DE JESUS

O empresário e professor universitário Mércio Coelho (PTB) será mesmo candidato a prefeito de Coração de Jesus. A decisão aconteceu no último sábado (21) durante reunião do grupo corjesuense com o deputado estadual Arlen Santiago. No município já apresentaram como pré-candidato Antônio Cordeiro Júnior, Robson Dias e ainda o atual prefeito, Dr. Pedrinho. Vale lembrar que Mércio, além da experiência administrativa, também conhece a política corjesuense, uma vez que foi secretário de Educação na administração de Arlen Santiago.

É DO PSD

Na coluna anterior, tecemos comentários em relação à abertura oficial da exposição de Janaúba, que acontece nesta quinta-feira, quando citamos o presidente do Sindicato Rural de Janaúba, José Aparecido Mendes, como integrante das fileiras do PSB, quando na verdade é PSD. Zé Aparecido é um dos pré-candidatos a prefeito do município.

Por Aldeci Xavier

Aldeci Xavier
Aldeci Xavier
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).