Inicio » Esporte » Brasileirão 2016 » Brasileirão 2016 – Cruzeiro e América empatam

Brasileirão 2016 – Cruzeiro e América empatam

Brasileirão 2016 – Cruzeiro e América empatam

O Mineirão recebeu o terceiro clássico entre Cruzeiro e América nesta temporada e os “Deuses do futebol” decidiram que o confronto não terá um vencedor.

Brasileirão 2016 - Cruzeiro e América empatam
Brasileirão 2016 – Cruzeiro e América empatam

 

Pela terceira vez, os rivais deixaram o estádio com empate – outros duas igualdades no Mineiro, no Gigante da Pampulha. Neste sábado, Raposa e Coelho fizeram um jogo equilibrado e nervoso, mas que não saiu do 1 a 1. O resultado final é ruim para ambos, que seguem sem vencer no Campeonato Brasileiro e permanecem na zona de rebaixamento.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Com o 1 a 1 sofrido no placar, o América se mantém na frente do Cruzeiro no saldo de gols. O Coelho é o 17º colocado com dois pontos, já o clube celeste é o 18º com a mesma pontuação.

O time celeste foi escalado para ter posse de bola e ficar presente ao ataque. Paulo Bento, que não estava no comando do time nos dois confrontos em abril, promoveu duas alterações em relação ao time que foi goleado pelo Santa Cruz. Federico Gino foi improvisado na lateral direita já que o titular Lucas sentiu desgaste físico e Léo ganhou a vaga de Bruno Rodrigo na defesa.

Já o Coelho foi para campo no melhor estilo Givanildo Oliveira, tentando surpreender a equipe celeste como fez no primeiro jogo da semifinal do Estadual (vitória por 2 a 0), quando armou uma defesa firme e apostou no contra-ataque e na velocidade dos pontas, sempre atacando pelos lados do campo.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

No clima de repetições, a atuação celeste no primeiro tempo foi um Déjá vu para o torcedor celeste. Assim como aconteceu diante do Santa Cruz, a Raposa mostrou evolução tática, boa compactação em campo. A posse de bola foi muito maior, mas quando foi preciso a maior qualidade técnica, principalmente na finalização, mas uma vez o time ficou devendo.

Willian, mais uma vez escalado como centroavante teve duas chances para marcar, mas pecou na finalização e parou em João Ricardo. Arrascaeta também tentava encontrar espaços na forte marcação americana, que como vem acontecendo ao longo de todo o ano, mostra bom boa compactação. No ritmo de quem não faz leva, o Coelho achou o gol inicial. Aos 29 minutos, Arrascaeta errou ao cortar cruzamento e mandou nos pés de Hélder. O lateral cruzou e Victor Rangel aproveitou erro defensivo da Raposa para abrir o placar.

Com a desvantagem no placar, aparaceu a ousadia do técnico Paulo Bento. Ainda no intervalo, o comandante tirou o improvisado Federico Gino e colocou o atacante Douglas Coutinho. A pressão celeste se manteve, mas o gol de empate esbarrava nos erros de finalização e na falta de um homem de área. Aos 15 minutos, após muitos gritos das arquibancadas, Robinho fez a sua estreia com a camisa azul celeste, entrando em lugar de Ariel Cabral.

Com pouco tempo em campo, o camisa 19 mostrou a sua qualidade e mudou o cenário ruim que a partida caminhava para a Raposa. Em belo lançamento, Robinho mandou nos pés de Arrascaeta, que de primeira empatou o jogo, fazendo justiça ao placar. Os minutos finais do clássico foi quente. O Cruzeiro seguiu no ataque, mas em campo se viu muitas faltas e reclamações. Ao subir a placa de seis minutos de acréscimos, muita confusão entre os dois bancos. Os técnicos Paulo Bento e Givanildo Oliveira foram expulsos pelo árbitro.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).