Inicio » Minas Gerais » Belo Horizonte » MG – Menina denuncia avô por estupro e é abandonada pelos pais

MG – Menina denuncia avô por estupro e é abandonada pelos pais

MG – Menina denuncia avô por estupro e é abandonada pelos pais

Abusada pelo avô e abandonada pelos pais, uma garota, de 13 anos, está agora sob a guarda do Conselho Tutelar de Santa Luzia, na região metropolitana da capital.

Ela esteve na noite desta segunda-feira (30) na Delegacia de Plantão de Polícia Civil da cidade para denunciar o avô, de 65 anos, que teria abusado sexualmente dela pela segunda vez em menos de um mês.

MG - Menina denuncia avô por estupro e é abandonada pelos pais
MG – Menina denuncia avô por estupro e é abandonada pelos pais

 

Uma funcionária da escola em que a menina estuda, no bairro São Benedito, desconfiou do comportamento dela, e acionou a polícia. Na delegacia, a garota denunciou o estupro.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Além de ter o corpo violado em casa, a vítima ainda passou por uma abuso mental na delegacia. Acuada, não pôde contar com o apoio dos pais. “O pai alega que ela tem problema mental e que as denúncias são inverídicas, apesar do exame ter constatado o abuso”, afirmou o sargento Eduardo Ramos, da Polícia Militar.

A opinião do pai não convenceu o Conselho Tutelar. Por isso, a menina será levada para um abrigo e o caso agora é investigado pela Polícia Civil. O avô, que foi preso quando da primeira denúncia, no início do mês e foi solto por falta de provas, está foragido.

Estupros

Uma professora, de 30 anos, que estava na delegacia, comentou que esta situação constrange a vítima. “A  menina denuncia, e em vez de ser ajudada, preferem falar da saúde mental dela, e libertam o avô. Cultura machista é isso”, disse.

Uma pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostra como os dados de estupros são alarmantes. Segundo o instituto, uma mulher é estuprada a cada 11 minutos no Brasil, mas como muitos casos não são denunciados, o número pode ser de até um abuso por minuto.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Jovem inventa estupro coletivo

Enquanto umas lutam para ser ouvidas, outras brincam com a justiça. Também na noite desta segunda (30), na mesma delegacia, uma menina de 14 anos estava sendo ouvida após inventar que havia sido estuprada por até nove homens.

Na delegacia, porém, o delegado Marcelo Mendel descobriu outra história. Segundo ele, a menor fugiu de casa no fim de semana e fez sexo com vários homens, mas disse que foi estuprada por estar com vergonha dos pais.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).