Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Sessão Saude: Masturbar faz bem ao corpo e a mente

Para as mulheres, a masturbação pode ajudar a prevenir infecções cervicais e infecções do trato urinário por meio do efeito “tenda” ou “balão”, como é conhecida a abertura do colo do útero que ocorre como parte do processo de excitação. Para os homens, a masturbação ajuda a reduzir o risco de câncer de próstata, provavelmente dando à próstata a chance de expulsar agentes causadores de câncer em potencial. Em Montes Claros cidade do interior do Norte de Minas Gerais foi inaugurada na ultima quarta feira dia (08) a “Casa da Punheta” onde homens e mulheres encontram  ambiente propicio para se relaxarem gozando  quantas vezes for possível durante a estádia. A casa é de propriedade do casal naturista Mary Brow e Antunes Green e fica na zona oeste da cidade. O valor da entrada é  120 reais por 04 horas, com direito a bebida, banhos, saunas e uso de vibradores. Três grandes palcos dividem a casa, sendo 01 para o publico hetero do sexo masculino, onde mulheres nuas se revezam com objetos eróticos e danças sensuais. O 2° é para publico hetero feminino onde homens nus dançam no palco com objetos eróticos e convidam as mulheres para participares da festa, poltronas confortáveis ficam a disposição em frente para que a mulher se assente e goze a sua maneira. O 3º ambiente é para o publico homossexual masculino e feminino, onde homens e mulheres dançam juntos no palco com objetos eróticos e perfomances sexuais, ocorrendo  também o sexo explicito.

Manifestação do público na Internet

“Acho punheta tão vulgar, prefiro falar acariciando a espingarda.”

(Aroldo Sampaio – Village do Lago II – Montes Claros)

“O cúmulo do narcisismo é se masturbar olhando pra própria bunda no espelho.”

 (Odete Lima de Santana- Bocaiuva –MG)

“Se tá ruim pra gente, imagina pro Edward Mãos-de-Tesoura que não pode nem tocar uma punheta.”

(Adelina Maria – Montalvania-MG) 

“O bom de bater punheta é que posso comer quem eu quiser!”

(Maicon Gamela – Bairro Sumaré – Montes Claros –MG) 

Riso da Hora

O sujeito consegue dar uma cantada na menina mais bonita da cidade.  Ele a leva num bom restaurante, onde comem à luz de vela e tomam um vinho fantástico. Depois, ao levá-la para casa, ele pára o carro num lugar tranqüilo e começa a beijá-la. Ele enfia a mão debaixo da saia dela mas ela o impede de ir adiante, dizendo ser virgem, e não querendo continuar. – Tá bem! – diz ele – Uma chupadinha, então? – Hei! responde ela – Eu não vou pôr essa coisa na boca! – Então uma punheta! – diz ele, já desesperado. – Como é isso? – estranha ela – O que é que eu tenho que fazer? – Você se lembra de quando você era uma menininha? explica ele. – Você pegava uma garrafa de Coca-cola, sacudia bastante e jogava o conteúdo no seu irmão? – Me lembro!!! – Pois é! – continua ele – É só fazer igual. Ela pega o instrumento dele e faz um movimento de vai-e-vem cada vez mais rápido. Em poucos tempo o rapaz começa a ficar roxo, a cabeça dele cai para o lado e seus olhos se fecham, uma coriza começa a sair pelo nariz, e ele gemendo de dor. – O que está acontecendo??? – grita ela horrorizada!! – TIRA O DEDÃO DA PONTA CARALHOOOOO!!!

Fica assim amanhã tem mais…

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).