Inicio » Mais Seções » Saúde » Saúde – Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia de varizes a laser

Saúde – Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia de varizes a laser

Saúde – Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia de varizes a laser

A Santa Casa de Montes Claros, por meio de corpo clínico altamente qualificado, investe em tecnologia para realizar técnicas cirúrgicas cada vez mais seguras, em benefício dos pacientes da região Norte Mineira.

Saúde - Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia de varizes a laser
Saúde – Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia de varizes a laser.

 

Prova disso é que no dia 17 de junho, a clínica de Cirurgia Vascular da Santa Casa de Montes Claros realizou o primeiro tratamento cirúrgico de varizes dos membros inferiores, com uso de laser.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

O procedimento, pioneiro no Norte de Minas, foi realizado pelos cirurgiões vasculares Jovelino Pinheiro Costa, Raphael Cruz Mourão, Maurício Cleber de Paula Filho, Alessandro Mendes Soares e Sérgio Luiz Santos Guedes. A técnica beneficiou duas pacientes atendidas pelo SUS e alcançou o sucesso esperado pela equipe.

Técnica

De acordo com o cirurgião Raphael Cruz Mourão, existem novas e inovadoras técnicas para tratamento de varizes e os integrantes da equipe de cirurgia vascular da Santa Casa estão atentos a essas novidades.

“O endolaser é uma dessas técnicas e tem objetivo de tratar casos específicos de varizes, sem cortes, de forma minimamente invasiva, com menos dor pós-operatória e menor incidência de complicações”, ressalta.

Para isso, é utilizado um aparelho emissor de laser é conectado a um cateter (fibra) que é introduzido na variz a ser tratada. Esse laser destrói a variz internamente, sem a necessidade de corte. O laser endovenoso tem sido usado especialmente para tratamento de veias safenas defeituosas, podendo também tratar varizes de maior calibre.

O médico explica ainda que as cirurgias maiores e com maior quantidade de varizes necessitam de raquianestesia e as menores podem ser realizadas sob anestesia local.

“Havendo necessidade de realização da raquianestesia, o paciente necessita de período de internação de pelo menos 12 horas. Deverá manter um repouso relativo nas primeiras 24 horas, já podendo pisar mesmo no primeiro dia da cirurgia. Após a alta, é feito um controle pós – operatório no consultório”, conclui.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).