Inicio » Minas Gerais » MG – Justiça suspende greve da Polícia Civil de Minas Gerais

MG – Justiça suspende greve da Polícia Civil de Minas Gerais

MG – Justiça suspende greve da Polícia Civil de Minas Gerais

A greve dos policiais civis de Minas Gerais está suspensa e servidores devem voltar ao trabalho. A decisão foi tomada no começo da noite desta quinta-feira pelo comando de greve em reunião no Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Minas Gerais (Sindpol/MG), em cumprimento à ordem judicial do Tribunal de Justiça (TJMG).

MG - Justiça suspende greve da Polícia Civil de Minas Gerais
MG – Justiça suspende greve da Polícia Civil de Minas Gerais

 

O movimento teve início na segunda-feira última e vinha causando lentidão no recebimento de presos em flagrantes nas delegacias, bem como no atendimento administrativo do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MG), entre outros.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Uma Assembleia Geral Extraordinária da categoria está marcada para o dia 30, às 14h, no pátio da Assembleia Legislativa, quando os servidores vão decidir se encerra a greve ou seguem como o movimento, apesar da multa de R$ 350 mil por dia, imposta pela liminar, caso o movimento continue, com funcionamento da 30% dos policiais.

Além do Sindpol, o TJMG oficiou o Sindicato dos Delegados Polícia do Estado de Minas Gerais (Sindepominas), por entender que as duas instituições são organizadoras e interlocutores do movimento grevista. Na decisão judicial, com data de 22 último, o desembargador Vilas Boas intimou ainda a direção dos sindicatos a comparecerem em reunião conciliatória no dia 29 deste. Os sindicalistas disseram que foram notificados pela Justiça ontem e então decidiram pela retomada dos policiais ao trabalho.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

A diretoria do Sindpol informou ainda que acionou seu departamento jurídico, e a banca de advocacia por ela representada, a fim de tomar todas as providências judiciais cabíveis para a reforma da medida cautelar nas instâncias Superiores. O objetivo é a retomada da paralisação, para pressionar o governo estadual diante da pauta de negociação. Enquanto não se reverte a decisão do TJMG, o comando de greve enviou comunicado aos servidores, no sentido de que “as atividades em toda

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).