Inicio » Nacional » Brasil já registra 161,2 mil casos de suspeita de Zika Vírus

Brasil já registra 161,2 mil casos de suspeita de Zika Vírus

Brasil já registra 161,2 mil casos de suspeita de Zika Vírus

O Brasil já registrou neste ano 161,2 mil casos suspeitos de zika, segundo o mais recente boletim do Ministério da Saúde, com dados até o dia 28 de maio. Do total de notificações, 64,3 mil já foram confirmadas e 13,5 mil eram de mulheres gestantes.

Brasil já registra 161,2 mil casos de suspeita de Zika Vírus
Brasil já registra 161,2 mil casos de suspeita de Zika Vírus

 

O ministério afirma que o período de pico da doença neste ano já passou. O ápice no número de infecções aconteceu na terceira semana de fevereiro, quando 16 mil casos foram reportados. Na última semana de maio, o número caiu para 12. No acumulado do ano, os Estados de Mato Grosso, Bahia, Rio e Tocantins apresentam as maiores taxas de incidência da doença.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

O boletim do ministério revela ainda que o País acumula também 122,7 mil casos e 17 mortes por chikungunya. Em relação à dengue, já são 1,2 milhão de registros e 288 óbitos, números inferiores aos do mesmo período ano passado.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).