Inicio » Colunistas » Aldeci Xavier » Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

VENDA DE EMPRESA
Em coluna anterior divulgamos que empresa instalada no Distrito Industrial de Montes Claros estaria sendo negociada com grupo alemão e que o motivo seria familiar. A nota despertou curiosidade já que não citamos o nome, atendendo pedido da fonte. Hoje, acrescentaremos outras informações que facilitará descobrir o nome da empresa. A empresa em negociação é de propriedade de três primos das famílias, Pereira, Fernandes e Carneiro, de Uberlândia. Foi fundada em 1960, sendo que entre 2008 e 2010 recebeu oferta de compra por parte da empresa Pfizer. Como segredo pouco é bobagem, também posso adiantar que o adquirente é o grupo MSD da Alemanha, e que trabalha tanto com produto para ser humano como para animais. No Brasil conta com dois laboratórios importantes.

CASO DE POLÍCIA
O juiz Marco Antônio Ferreira, que vem respondendo pela Comarca de Coração de Jesus, adota medida pioneira que deverá, em pouco tempo, ser implantada em todo Estado, e provavelmente em outras regiões do País. Trata-se da portaria autorizando a implantação do Termo Circunstanciado de Ocorrência (inquérito). Com a decisão, os policiais militares daquela região sobre sua jurisdição poderão responsabilizar pelos procedimentos criminais relativos a infrações penais de menor potencial ofensivo, o que é previsto na Lei 9.099/95. Na prática, permitirá maior agilidade no trabalho da área de segurança, já que procedimentos simples têm ocupado os profissionais da Polícia Civil, que contam com demandas maiores, a exemplo de investigações de crimes contra a vida e outros. É mais um ingrediente para a solidificação do ciclo completo de polícia no Norte de Minas.

COMO FUNCIONA
Como é do conhecimento da população, hoje, infrações penais de menor potencial ofensivo são lavradas pela Polícia Militar, no chamado Boletim de Ocorrência (BO), que posteriormente são remetidos para Polícia Civil para conclusão do processo e, em seguida, encaminhado à Justiça. Com a medida do juiz Marco Antônio Ferreira, a própria Polícia Militar responsabilizará pela colheita de informações que irão diretamente para a Justiça. Como é uma medida que irá agilizar o trabalho das duas instituições (Civil e Militar), a expectativa é que chegue a toda região e, consequentemente, ao Estado. Vale lembrar que o Tenente Coronel Rômulo, o Major Paulo Sérgio e o Major Hansen ficaram responsáveis pelo preparo dos militares da corporação.

LEI ELEITORAL
A partir de amanhã (02) os prefeitos estão proibidos de dar publicidade aos atos, programas, obras, serviços e campanhas da administração, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública, desde que reconhecida pela Justiça Eleitoral. Também estão proibidos de contratar, nomear, demitir sem justa causa, remover, transferir ou exonerar.

LONTRA
Informação que chega à coluna, vinda do município de Lontra, dá conta de que o atual prefeito Evando Gonçalves, até agora, não conseguiu liminar que permita enfrentar as urnas em outubro. A mesma fonte informou que o chefe do executivo já está preparando a sua esposa, Fabrícia Gonçalves, para ser a candidata do grupo. Confirmada a notícia, surge como surpresa já que num primeiro momento o nome seria o do vice-prefeito Wendel Alves Oliva (PT).

REUNIÃO COM ARLEN E PIMENTA
Em conversa com este jornalista, o presidente da Sociedade Rural de Montes Claros, Osmani Barbosa Neto, informou que na próxima semana, as entidades que estão discutindo o futuro político da cidade estão agendando reunião com os deputados Arlen Santiago e Carlos Pimenta para discutir as eleições de outubro. A primeira conversa foi com o prefeito afastado Ruy Muniz. Vale lembrar que, além da Sociedade Rural, estão envolvidas a Fiemg/Norte, através de Adauto Marques e ACI, através do seu presidente, Edilson Torquato.

DEPUTADO DA MAIADA
Caíram no esquecimento as declarações feitas pelo deputado federal Weliton Prado (PMB) no ano passado, quando, ao participar de corrida no bairro Santos Reis, conhecido carinhosamente como Maiada, fez o compromisso de transferir residência para aquele bairro. Chegou a anunciar que estava procurando casa. O assunto hoje é encarado como uma piada já que nem visitar a cidade nos últimos tempos tem acontecido. Aliás, em nenhum momento o compromisso convenceu aos moradores do Santos Reis.

Por Alcdeci Xavier

Aldeci Xavier
Aldeci Xavier

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).