Inicio » Minas Gerais » MG – Servas entrega 918 cadeiras de roda a instituições beneficentes de Minas Gerais

MG – Servas entrega 918 cadeiras de roda a instituições beneficentes de Minas Gerais

MG – Servas entrega 918 cadeiras de roda a instituições beneficentes de Minas Gerais

Ao todo, 73 entidades de várias regiões do estado foram atendidas. Ação faz parte do projeto Acessibilidade Compartilhada.

As duas últimas entregas feitas por Carolina Pimentel foram no Lar Cristo Rei e no Lar dos Idosos José Justino Rocha
As duas últimas entregas feitas por Carolina Pimentel foram no Lar Cristo Rei e no Lar dos Idosos José Justino Rocha

 

A presidente do Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas), Carolina Oliveira Pimentel, finalizou, nesta sexta-feira (1º/7), a primeira fase do projeto Acessibilidade Compartilhada com a entrega de cadeiras de rodas a hospitais filantrópicos, Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) e outras entidades beneficentes de várias regiões de Minas Gerais que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade social que precisam do equipamento para ter melhor qualidade de vida.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Ao todo, foram 918 cadeiras de rodas disponibilizadas para 73 instituições. As duas últimas entregas feitas por Carolina Pimentel foram no Lar Cristo Rei, no bairro Diamante, região do Barreiro em Belo Horizonte, e no Lar dos Idosos José Justino Rocha, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana da capital, que juntas receberam 36 cadeiras nestas quinta (30/6) e sexta-feira (1º/7), respectivamente.

“A demanda por cadeiras de rodas é imensa. Estamos atendendo praticamente todos os pedidos que chegaram entre 2015 e 2016. Essa é uma conquista importante das entidades, que acreditam no nosso trabalho e na nossa capacidade de ajudá-las”, explicou a presidente do Servas.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

A coordenadora do Lar Cristo Rei, Gislene Saraiva Carmanini, comemorou a chegada destas cadeiras e disse que foi em boa hora, já que 30 dos 59 idosos atendidos pela instituição necessitam deste apoio e já estavam com suas cadeiras sem condições de uso.

“Tanto para eles quanto para a instituição é um ganho muito importante. Vamos poder substituir as cadeiras velhas e dar a eles melhor qualidade de vida, porque a rotina sem esse equipamento para se locomover torna-se muito difícil”, disse.

Além de Belo Horizonte e Região Metropolitana, também foram atendidos municípios das regiões Sul, Norte, Zona da Mata, Campo das Vertentes, Triângulo Mineiro, Baixo, Médio e Alto Jequitinhonha, Norte, Noroeste, Sul, Vale do Mucuri, Central e Oeste.

O recurso utilizado para a compra das cadeiras de rodas é proveniente de um convênio assinado em 2015 com a Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese) e a Loteria Mineira.

Acessibilidade Compartilhada

O projeto tem como objetivo promover mobilidade e melhora na qualidade de vida das pessoas em situação de vulnerabilidade social que possuem indicação médica para utilizar Cadeira de Rodas.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).