Inicio » Nacional » Governo Federal sanciona lei que obriga medição individualizada de água

Governo Federal sanciona lei que obriga medição individualizada de água

Governo Federal sanciona lei que obriga medição individualizada de água

O presidente interino, Michel Temer, sancionou a lei 13.312, que torna obrigatória a medição individualizada do consumo de água. A medida afeta principalmente condomínios que faziam essa medição de forma coletiva.

Governo Federal sanciona lei que obriga medição individualizada de água
Governo Federal sanciona lei que obriga medição individualizada de água

 

A lei foi publicada nesta terça (12/07/2016) em uma edição extra do Diário Oficial da União (DOU), segundo informações da assessoria do Planalto.

O principal objetivo da medida é ambiental: incentivar a economia de água e distinguir os poupadores dos gastadores.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Para o governo, a medida vai “aprimorar a sustentabilidade ambiental e fazer justiça àqueles que economizam a água da planeta.”

Os condomínios, agora, possuem cinco anos para instalarem os hodômetros individuais e se adaptarem à regra.

Há alguns anos, a medição individualizada vem sendo pregada por especialistas em administração predial como um dos trunfos para a redução do consumo de água.

Segundo estudo do CBCS (Conselho Brasileiro de Construção Sustentável), a medição individualizada pode derrubar o consumo de água em até 40%.


------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).