Inicio » Colunistas » Aldeci Xavier » Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

PREFEITOS E O GOVERNO

Fica evidente que pelo fato de a direção da Amams e da Ammesf serem aliadas ao Palácio Tiradentes, não têm demonstrado muito interesse em colocar o governo de Fernando Pimentel na parede para resolver os problemas cruciais da região. O pagamento em dia do transporte escolar é uma obrigação e não deveria sequer ter entrado em pauta de discussão. É um absurdo o fato de o atraso já estar em quatro prestações e as prefeituras exigirem o pagamento imediato de apenas duas. Aliás, o fato de os prefeitos terem ameaçado paralisação no dia 8 de agosto, na atual conjuntura, é um prazo longo e demonstra insegurança. Deveriam ter feito igual Montes Claros, que simplesmente deixou de transportar os alunos de responsabilidade do Governo. Chega de querer cozinhar o assunto em fogo morno para não prejudicar o governo politicamente.

CALOTE FINANCEIRO

A reunião promovida pela Amams, com prefeitos do Norte de Minas para decidir sobre criação de decreto de calamidade financeira é, na verdade, uma antecipação e confirmação de que vão entregar as prefeituras com dívidas diversas entre elas com fornecedores. Não se trata de preocupação em evitar um colapso nos serviços oferecidos pelas prefeituras, mas sim, uma demonstração clara de que, nos quatro anos, não conseguiram fazer o dever de casa. Vale lembrar que apesar da crise financeira que atravessa o país, vários prefeitos conseguiram até agora cumprir todos os compromissos, não necessitando de ‘decreto de calote financeiro’. Quando assumiram suas prefeituras sabiam que o dinheiro era curto. Aliás, venderam a consciência do eleitorado do Norte de Minas para deputados forasteiros e agora não têm a quem cobrar recursos para a região. De mais a mais, se acovardam no enfrentamento com o Governo do Estado e Governo Federal por falta de representatividade.

NOVELA DO PT

Pelo andar da carruagem somente após as convenções é que saberemos ao certo como ficou o romance entre o PT e o Rede Sustentabilidade. Depois de a imprensa ter divulgado resultado de encontro do PT no último sábado, dando conta de que o deputado Paulo Guedes já admitia atender pedido da direção estadual e nacional da agremiação, saindo candidato na disputa majoritária, a conversa volta ao estágio inicial. Ontem, conversando com o presidente do Diretório do PT de Montes Claros, Paulo Rogério este confirmou que na próxima terça-feira (02/08) os dois partidos estarão reunidos para sacramentar a aliança que definiu pela chapa na majoritária Athos Avelino/Sued. Comentou que a definição hoje é de 90% e só não é 100% porque até na última hora Guedes pode  rever sua posição.

CANDIDATURAS DEFINIDAS

Pelo desenho do quadro político, se as eleições fossem hoje, o mais provável é que teríamos três chapas na disputa direta pela prefeitura de Montes Claros, sendo elas Ruy (PSB)/Danilo Narciso (PMDB), Humberto Souto (PPS)/Adauto Marques (PP) e Athos Avelino ( Rede)/Sued (PT). Vale lembrar que qualquer outra candidatura que vier ‘fará piquenique no processo’. Confirmado o prognóstico, vale lembrar que na chapa de Souto está praticamente descartada a participação do PDT na indicação de nome para majoritária. Isso somente acontecerá se o PP não estiver na parada.

JANUÁRIA

O ex-prefeito de Januária, Maurílio Arruda, que era o nome mais cotado para vencer as eleições majoritárias no município de Januária este ano, depois de definir que não vai enfrentar as urnas, reúne seu grupo na quarta-feira (03/08) para escolha do candidato. Segundo informou à coluna o próprio Maurílio, o encontro contará com a participação do PDT, PMDB, PR, PTC, PC do B e PROS. Vale lembrar que na disputa estará o candidato a ser escolhido pelo grupo do atual prefeito, Manoel Jorge, e o vereador Joãozinho Lima. Somente no próximo dia 3 de outubro é que poderemos afirmar ao certo o quadro político da vizinha cidade de Januária, que deverá contar com três candidatos na disputa majoritária. Na próxima coluna falaremos sobre o assunto.

PEDRO NETO

Nosso companheiro de imprensa, Pedro Neto, funcionário da assessoria de Comunicação da Prefeitura de Montes Claros, este ano, novamente enfrenta as urnas. Já definiu que será candidato a vereador em Mirabela, pelo PT. Vale lembrar que em 2008 foi candidato e obteve 154 votos. A votação necessária para ser eleito no município gira em torno de 250 votos. O PT deve coligar na proporcional com o PV ou PSD.

Por Aldeci Xavier

Aldeci Xavier
Aldeci Xavier

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).