Inicio » Colunistas » Hesiodo José » Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Coluna do Hesiodo José – Fragmentos Diários (aumento e também invento)

Especial Olim-piadas

É fato, as Olimpiadas começaram lá pelos anos 700 na Grécia com a letárgica participação de atletas daquele miolo e alguns frescos da França e Inglaterra, inclui-se Estados Unidos and the Gang. Sem televisão no mundo e sem noticias d além-mar, o Norte de Minas Gerais já se destacava nas suas próprias Olimpiadas, cidades como Japonvar, Nova Esperança, Brasilia de Minas, Miralta e Santa Rosa de Lima fazia os jogos preliminares com a grande final acontecendo em Montes Claros. A cidade nesta época era governada por duas dinastias, Maiadeiros do Terrivel Pedro Maiada  e Tabajaras comandos por Zezinho Orelha.

Tiro ao pombo – -1778 – cidade de  Miralta

Hoje daria cadeia. Mas já deu medalha. Ganhava quem matasse mais aves em menos tempo. Os três primeiros colocados, João Cagado, Filomeno Carrapato e Alifone Disigual, sozinhos, abateram quase 80 pombos. Ao longo dos Jogos, foram mais ou menos 300 vítimas que foram assadas e servidas em banquetes para os convidados ilustres da Maiada e Tabajaras de Montes Claros.

Nado subRioVieira – cidade Nova Esperança – 1882

O rio Vieira viu de tudo. Nessa, o pessoal nadava sem levantar a cabeça para respirar. Cada metro valia um ponto, e cada segundo sob a água dava um ponto extra. O vencedor de nome Dé de Alforria  nadou 60 metros em pouco mais de 1 minuto.

Levantamento de peso com uma mão – cidade de Japonvar -1896

A regra era erguer acima da cabeça. E o albino  Laubraton  filhote levou o ouro em 1896 com a marca de 70 quilos. O peso era um carrinho com a mulher e os três filhos dentro.

Montado nas costas – cidade de  Brasilia de Minas – 1896

A regra era carregar uma pessoa nas costas com peso equivalente ao seu. Jomino Barbasanta carregando seu parceiro Jinobreu de Maria andou quase um kilometro para ganhar a prova.

Riso da Hora

Depois de morrer o homem percebe que está no inferno e o diabo passa  lhe perguntando: – Então?! Não precisas de chorar aqui no inferno, isto não é assim tão mau! – Não? – responde o homem espantado.

Diz o Diabo:
– Claro que não! Por exemplo, tu gostas de comer? – Sim.. – responde o homem. E diz o Diabo: – Então, nas segundas temos lasanha, peixe fresquinho, grelhados, etc… – E, de seguida, pergunta – Tu não gostas de beber? Responde o homem de imediato: – Muito! Até foi por isso que morri… Diz o Diabo: – Ahhh então vais gostar das terças. Temos pinga da boa, whisky, tequila, vodka, etc… E de fumar, gostas de cigarros? Responde o homem:
– Sim e de vez em quando também vai um bom charutinho! Diz o Diabo:
– Elahh! Às quartas temos charutos, cigarros e cachimbos… E de jogos, gostas de jogar?- Gosto, vai me dizer que também tem? – responde o homem um pouco mais contente.Diz o Diabo: – Claro! Temos sempre cartas, xadrez, bilhar, setas, etc! E aproximando-se mais do homem, pergunta: – E olha lá uma coisa… Tu és homossexual? – Que isso diabo, estás-me a estranhar? – responde o homem um pouco exaltado. E diz o Diabo:
– Humm… Então não vais gostar muito dos fim-de-semanas…

Fica assim amanhã tem mais…

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).