Inicio » Colunistas » Aldeci Xavier » Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

CALMA COM O PROCESSO
Temos tido a paciência de não querer atropelar o processo divulgando informação não consolidada, ou fazendo a leitura sem antes conhecer todos os participantes do processo. Na coluna de final de semana, por exemplo, divulgamos que a candidata à prefeita do PSOL em Montes Claros, Jéssica Vianna, estava disposta a rever sua posição de disputar majoritária. Em nenhum momento cravamos que já havia batido o martelo. Incomodada com a notícia, a candidata divulgou nota à imprensa admitindo que havia sido procurada por dirigente de outra agremiação, na busca de acordo onde ela abriria mão da cabeça de chapa. Reitero toda publicação, deixando claro que em nenhum momento afirmei que estava tudo definido. Basta ler a coluna deste final de semana. A este respeito, não teria motivo para tentar prejudicar a jovem candidata, que se posiciona diante do processo, não se omite, mas que, na prática, apenas aproveita a oportunidade para semear suas ideias.

PT E AS ELEIÇÕES
Vários leitores encaminharam e-mail para este jornalista pedindo uma leitura da posição do PT de Montes Claros, que acabou perdendo tempo na discussão da disputa majoritária, por ter confiado no ex-prefeito Athos Avelino, na última hora, e tendo que apresentar chapa que na prática não é do tamanho da agremiação. Temos que considerar duas hipóteses. A primeira é de que o PT tem sim estratégia até então não revelada. A própria direção da agremiação admite mudança na chapa majoritária. Outro ponto é de que mesmo a chapa lançada tendo poucas chances de chegar ao segundo turno, é fato que, considerando a militância e simpatizantes, a votação prevista para ser obtida nas urnas será, sim, expressiva.

ESPINOSA
Em Espinosa, na convenção realizada na última sexta-feira (5), a oposição confirmou o nome de Milton Barbosa (PT) como candidato a prefeito, tendo como campaneiro de chapa Nilson Faber (PC do B). A coligação denominada de ‘Espinosa para todos’ conta, além do PT e PC do B, com o PMDB, PR, PHS, PDT, PSD, PV e PROS.

VARZELÂNDIA
Em Varzelândia, já foi batido o martelo com o atual prefeito (PSB), Felisberto Rodrigues concorrendo à reeleição, tendo como adversária Walquíria Cardoso (PMDB), que recebe o apoio do ex-prefeito Carlos Antunes. Os levantamentos para consumo interno feitos no município colocam a ex-vereadora em situação privilegiada.

INDAIABIRA
Apenas duas chapas estarão na disputa pela prefeitura de Indaiabira. A chapa situacionista tem o atual prefeito Lucim (PHS), tendo como vice o vereador Jacy do PSB. Pela oposição apresentaram como candidatos o ex-prefeito Zé de Maurina (PP) e como vice, Manoel de Loro, também do PP.

VICE DE JAIRO
Mesmo tendo lançado na última hora sua candidatura na disputa majoritária, o ex-prefeito de Montes Claros, Jairo Ataíde (DEM), acabou sendo feliz na escolha do seu companheiro de chapa. O nome do ex-presidente da OAB, Álvaro Guilherme (PSC), com certeza acrescenta em favor da chapa. Ele que esteve à frente da 11ª Sucessão Ordem dos Advogados por dois mandatos conta com credibilidade e bom trânsito nos diversos segmentos da sociedade. Acima de tudo, é um vice articulado, com penetração nas diversas camadas sociais.

PARTIDOS FRACOS
Ainda não tive a oportunidade de analisar minuciosamente as chapas e as coligações na disputa proporcional, em Montes Claros. O que posso adiantar é que, numa primeira análise, as chapas conseguiram apenas um time que tem ‘cabeça, mais falta meio e rabo’. Explicando: dos 35 candidatos a que têm direito, consegue cinco a seis nomes de expressão eleitoral, mas não tem nomes com votação mediana. Para complicar ainda mais a situação, a previsão é que no pleito deste ano aumentará e muito o número de votos nulos, brancos e abstenção. No pleito passado fora 33 mil votos perdidos. Aliás, assistiremos agremiações que não conseguirão atingir o coeficiente eleitoral que está em torno de 9.200 votos.

REDUÇÃO DE VEREADORES
Mesmo não tendo tido acesso à lista definitiva das candidaturas na disputa proporcional em Montes Claros, é possível afirmar que teremos uma quebra significativa no número de vereadores. No pleito de 2012, tínhamos em torno de 520 candidatos e este ano deve ficar em torno de 370 a 380 candidatos. Vale lembrar que em face da redução do número de candidatos por partidos ou coligação, além da limitação nos gastos, assistiremos número de desistências jamais vista numa eleição no município.

Por Aldeci Xavier

Aldeci Xavier
Aldeci Xavier

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).