Inicio » Nacional » Rio 2016 – Temer decreta luto pela morte de soldado da Força Nacional

Rio 2016 – Temer decreta luto pela morte de soldado da Força Nacional

Rio 2016 – Temer decreta luto pela morte de soldado da Força Nacional

O presidente interino, Michel Temer, decretou nesta sexta-feira (12) luto oficial em todo país, pelo período de um dia, pelo falecimento do soldado Hélio Vieira Andrade, da Polícia Militar de Roraima.

Hélio Vieira Andrade morreu no Hospital Salgado Filho, no Méier, bairro da zona norte do Rio, onde estava internado desde a última quarta-feira (10)
Hélio Vieira Andrade morreu no Hospital Salgado Filho, no Méier, bairro da zona norte do Rio, onde estava internado desde a última quarta-feira (10)

 

Ele integrava a Força Nacional que atua nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. O decreto de Temer foi publicado no “Diário Oficial da União” desta sexta-feira.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Hélio Vieira Andrade morreu no Hospital Salgado Filho, no Méier, bairro da zona norte do Rio, onde estava internado desde a última quarta-feira (10), após ter sido ser baleado por homens armados, na Vila do João, no Complexo de Favelas da Maré.

Ele foi atingido na cabeça por um tiro quando, junto com mais dois colegas de farda, entrou por engano na comunidade.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).