Inicio » Colunistas » Aldeci Xavier » Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

Coluna do Aldeci Xavier – Preto no Branco

TAMBASA EM MOC
A coluna que saiu na frente ao anunciar, na edição de ontem, reunião entre a direção da Villefort Atacadista, Tambasa e a prefeitura, traz informação de que “o martelo foi batido”, ficando acertado o início imediato da construção da primeira de um total de 20 lojas que o grupo pretende construir em todo o país. A nova loja será edificada em áreas de 15.200 m2, sendo 8 mil de construção. O terreno está localizado na Avenida Dulce Sarmento, ao lado da Loja da Villefort, onde funcionava a antiga ótica Sion. No final da manhã de ontem, estive conver-sando com Virgílio Villefort que confirmou ter vendido a área para a Tambasa. Também tive a oportunidade de conversar com Antônio Miguel que é o superintendente da Tambasa Atacadista e este informou que a previsão é que a loja seja inaugurada em janeiro e responsabilizará pela comercialização de 25 mil itens, que vai de ferramentaria, papelaria, pet, utilidade doméstica entre outros.

MUDANÇA NA SAÚDE
Com pouco mais de dois meses após assumir a Secretaria de Saúde de Montes Claros, o médico Maquieden Viriato pediu desligamento da pasta na manhã de quarta-feira e imediatamente foi substituído pelo médico Geraldo Edson, que já ocupa função no secretariado da atual administração. A informação é de que o motivo seria a decisão do prefeito em exercício, Zé Vicente de Medeiros, de retornar às suas funções o tesoureiro da Secretaria de Saúde, Leandro Versiani, que no início da semana havia sido demitido por Maquieden.

QUINQUINHA LIVRE
A base governista em Manga, que tem como principal líder o atual prefeito e candidato à reeleição, Anastácio Guedes (PT), teve pouco tempo para comemorar pedido do Ministério Público Eleitoral de impugnação da candidatura do ex-prefeito Quinquinha (PP). É que já no início da tarde de quinta-feira (24) ele conseguiu junto ao TRE-MG a suspensão dos efeitos da decisão que impedia sua candidatura. O candidato oposicionista já saiu do Tribunal, em Belo Horizonte, com documento de quitação eleitoral assinado pelo juiz Antônio Augusto Mesquita Fonte Boa, relator do processo, com a declaração sendo expedida pelo coordenador de Registro e Informações Processuais do TRE, Renato Mourão de Araújo.

SUBSTITUINDO SUED
O presidente do PT de Montes Claros, Paulo Rogério, confirmou à coluna de, que de fato, recebeu notificação da promotoria eleitoral, dando conta do pedido de impugnação da candidatura a prefeito de Sued Botelho, com o argumento de que ele teria perdido seus direitos políticos em 2008 e só estaria apto a enfrentar as urnas no final do mês de setembro, quando já teria encerrado o prazo de registro de chapa. Ele comentou que o partido já apresentou a defesa, mas já trabalha com a possibilidade de substitui-lo pelo atual candidata a vice, professora Leninha. Tal informação já havia sido divulgada com exclusividade pela coluna. A respeito de um novo vice, a coluna apurou junto a Paulão que este pode vir do PC do B. Ele preferiu não antecipar nomes para não pular etapas.

DESAFIANDO O PSC
O presidente do PSC de Montes Claros, Igor Versiani, que decidiu “melar” o resultado da convenção em que o partido indicou o advogado Álvaro Guilherme como candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada, pelo ex-prefeito Jairo Ataíde. Sem entrar no mérito da questão, o próprio Igor não economizou palavras para desafiar a direção estadual e federal do PSC que, segundo ele, não tem autoridade para tentar barrar a decisão, já que aqui é diretório e não comissão provisória. Afirmou que não está preocupado com o que pensa a direção da agremiação. A conversa aconteceu rapidamente na noite de quarta-feira, no Skema Quente. Coincidência ou não, nos partidos por onde Igor Versiani passou, ele conseguiu colocar em prática o mesmo comportamento. O exemplo mais recente foi quando tentou a todo custo tumultuar a vida do PSB, inclusive usando jornal da cidade para plantar informação de que a direção estadual do partido expulsaria o prefeito afastado Ruy Muniz.

Por  Aldeci Xavier

Aldeci Xavier
Aldeci Xavier

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).