Inicio » Últimas » MG – Homem é morto a paulada por dívida de droga de R$ 10 em Minas Gerais

MG – Homem é morto a paulada por dívida de droga de R$ 10 em Minas Gerais

MG – Homem é morto a paulada por dívida de droga de R$ 10 em Minas Gerais

Uma dívida de droga de R$ 10 causou a morte de um homem de 46 anos a paulada, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, nessa quarta-feira (07/09/2016).

MG - Homem é morto a paulada por dívida de droga de R$ 10 em Minas Gerais
MG – Homem é morto a paulada por dívida de droga de R$ 10 em Minas Gerais.

 

Um sobrinho de Josué Augusto de Oliveira contou à Polícia Militar (PM), que no dia anterior, o suspeito, de 25 anos, foi à casa do tio, com um revólver, e o ameaçou de morte, por causa da dívida. No dia em que morreu, o tio se armou com uma faca, dizendo que iria atrás do suspeito. Mais tarde, ele e a mãe de Oliveira, uma senhora de 84 anos, foram ameaçados pelo suspeito, que estava na companhia de mais duas pessoas e, se contassem alguma coisa para a polícia, seriam mortos.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Passado o susto, ficaram sabendo que Oliveira estava morto, com trauma no crânio, sendo apreendido um pedaço de madeira no local do crime. A faca que estava com a vítima também foi recolhida.

Até o momento, ninguém foi preso.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).