Inicio » Montes Claros » Eleições 2016 » Eleições 2016 – Sued (PT) tem candidatura indeferida em Montes Claros

Eleições 2016 – Sued (PT) tem candidatura indeferida em Montes Claros

Eleições 2016 – Sued (PT) tem candidatura indeferida em Montes Claros

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou o indeferimento de candidatura de Sued Botelho (PT), no dia de ontem (09/09/2016). Com este indeferimento, já são dois os concorrentes a prefeito de Montes Claros, que são cortados da corrida eleitoral pela prefeitura de Montes Claros. No dia de ontem também foi indeferida a candidatura de Jéssica Viana (PSOL).

Eleições 2016 – Sued (PT) tem candidatura indeferida em Montes Claros
Eleições 2016 – Sued (PT) tem candidatura indeferida em Montes Claros

 

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sued Botelho (PT) teria praticado o crime de abuso de poder ainda nas eleições do ano de 2008, quando concorria ao cargo de vice-prefeito de Montes Claros.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

Naquele ano, segundo a decisão, o candidato teria participado “do evento público denominado ‘Semana da Paz’, que tomou contornos políticos e promoção da chapa de que participava como candidato à reeleição”.

No portal Divulgacand, consta ainda que o candidato a vice-prefeito pelo PT,  Leninha , também é considerado inapto.

Sued Botelho (PT)  afirma que eles irão recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).