Matrículas Aberta - Escola Adventista

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Minas Gerais » Alto Paranaíba » MG – Homem bebe álcool puro e ameaça matar mulher e filho de 7 anos

MG – Homem bebe álcool puro e ameaça matar mulher e filho de 7 anos

A irresponsabilidade de um homem de 32 anos por pouco não acabou com uma família de Araxá, no Alto Paranaíba, nessa quarta-feira (28). Bêbado, ele ingeriu álcool puro e ameaçou matar a mulher e o filho, de apenas 7 anos.

MG - Homem bebe álcool puro e ameaça matar mulher e filho de 7 anos
MG – Homem bebe álcool puro e ameaça matar mulher e filho de 7 anos

A companheira de Fábio Prado Santos contou à Polícia Militar que o marido chegou em casa, no bairro Pão de Açúcar III, já com sinais de embriaguez. Ele foi até a cozinha, pegou uma embalagem de álcool e ingeriu o líquido.

Preocupada com o homem, a dona de casa tomou a garrafa de Santos, que, irritado pela atitude da companheira, pegou uma faca e cortou a mangueira do botijão de gás. A intenção do homem era que a casa pegasse fogo e a mulher e o filho morressem carbonizados.

A vítima conseguiu desligar o botijão e colocar Santos para fora de casa, mas ele pegou uma enxada e começou a quebrar o vidro da porta. Mãe e filho foram atingidos pelos cacos e tiveram ferimentos leves.

Ao perceber que a mulher acionou a polícia, o bêbado fugiu. Militares realizaram rastreamento na região, mas o suspeito, que pode responder por lesão corporal, não foi localizado.

A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Araxá.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)