Matrículas Aberta - Escola Adventista

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Norte de Minas » Norte de Minas – Promotores no presépio doam camisa “Todos contra pedofilia”

Norte de Minas – Promotores no presépio doam camisa “Todos contra pedofilia”

Os promotores de Justiça em Montes Claros, Paulo Márcio da Silva e Guilherme Roedel Fernandez foram ao Presépio Natural Mãos de Deus, em Grão Mogol, a fim de entregar ao feitor da obra, Lúcio Bemquerer, uma camisa com as inscrição “Todos contra pedofilia”.

Eles estavam acompanhados do promotor de Justiça em Divinópolis, Carlos José Silva Fortes, e de Ana Amélia Paulino Garcia, oficial do Ministério Público. Os cinco haviam acabado de participar de um ciclo de palestras, no Sindicato dos Garimpeiros de Grão Mogol, sobre pedofilia.

Norte de Minas - Promotores no presépio doam camisa “Todos contra pedofilia”
Norte de Minas – Promotores no presépio doam camisa “Todos contra pedofilia”

Todos ficaram maravilhados com o presépio. Eles foram recebidos pelo construtor da obra, Lúcio Bemquerer, que acompanhou pessoalmente o grupo e explicou os pormenores da construção, as estações e a didática da história do nascimento do Menino Jesus.

A visita durou 40 minutos, e ao final, o promotor Carlos José entregou ao Lúcio Bemquerer, em nome do grupo visitante, uma camisa preta com a inscrição: “Todos contra a pedofilia”, tendo abaixo o endereço do site, WWW.todoscontraapedofilia.ning.com.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)