POS ON-LINE PUC MINAS

Eleições 2014 – Em Brasília, Eduardo Campos pede apoio nas redes sociais para superar falta de estrutura

Antes de chegar ao Recife pedir voto pela primeira vez para Paulo Câmara (PSB) na convenção da Frente Popular nesse domingo (15), o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) esteve em Brasília, lançando a candidatura do senador Rodrigo Rollemberg (PSB) ao Governo do Distrito Federal e pediu aos militantes que levassem a campanha presidencial para as redes sociais para superar a falta de estrutura partidária.

Eleições 2014 - Em Brasília, Eduardo Campos pede apoio nas redes sociais para superar falta de estrutura
Eleições 2014 – Em Brasília, Eduardo Campos pede apoio nas redes sociais para superar falta de estrutura

“Eu queria pedir a você que veio hoje a convenção, pedir a você que não se sinta hoje com a obrigação cumprida com Brasília e com o Brasil. Nós precisamos da tua atuação. Nós precisamos que você chame mais um, mais dois, mais dez. Convoque nas redes sociais. Nós precisamos animar o Brasil”, pediu o socialista.

Campos aparece em terceiro lugar nas pesquisas de intenção de voto e tem enfrentado dificuldades para fechar palanques em vários estados, inclusive nos maiores colégios eleitorais do País, como São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

O pernambuco ainda briga pela possibilidade de chegar ao segundo turno. Mais bem colocados nos levantamentos, a presidente Dilma Rousseff (PT) e o senador mineiro Aécio Neves (PSDB) têm arcos de alianças maiores e mais tempo de TV.

“O povo brasileiro vai dar uma lição a muita gente que está de sapato alto achando que tem estrutura e vai tomar conta da cabeça e do coração do povo. O povo brasileiro não botou a cabeça a venda, nem o coração a venda”, alfinetou o socialista, em referência aos adversários.