Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Eleições 2014 – No primeiro mês de campanha, Dilma Rousseff arrecada menos do que em 2010

No primeiro mês da campanha presidencial, a presidente Dilma Rousseff já arrecadou R$9,6 milhões. Em 2010, no mesmo período, a candidata petista já havia arrecadado R$ 11,6 milhões, o equivalente hoje a R$ 14,7 milhões em valores atualizados.
Eleições 2014 - No primeiro mês de campanha, Dilma Rousseff arrecada menos do que em 2010
Eleições 2014 – No primeiro mês de campanha, Dilma Rousseff arrecada menos do que em 2010

Do total arrecadado pela campanha, R$ 8,6 milhões vieram de doações de empresas, enquanto que R$ 1 milhão foi repassado por outros partidos que compõem a coligação da petista.

O valor foi acumulado e contabilizado até o dia 30 de julho. As despesas da campanha petista somam R$ 86,3 mil até o momento. As despesas com pessoal referentes ao mês de julho, com encerramento no dia 31, serão apresentadas na próxima prestação de contas, referente ao mês de agosto. A maioria dos gastos da campanha foi com locação de imóvel e transporte de equipe.
O candidato do PSDB à Presidência da República, senador Aécio Neves (MG), arrecadou em julho mais do que o dobro da quantia levantada no mesmo período pelo ex-governador paulista José Serra, o candidato dos tucanos nas eleições presidenciais de 2010.
O ex-ministro José Gregori, coordenador do comitê financeiro de Aécio, disse que vai declarar nesta sexta (1º) à Justiça Eleitoral ter arrecadado algo entre R$ 10 milhões e R$ 12 milhões em doações na largada da campanha.
No mesmo período da eleição de 2010, a campanha de José Serra havia arrecadado R$ 4,1 milhões, o equivalente a R$ 5,2 milhões, em valores corrigidos pela inflação.
 
Folhapress

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)