Últimas Notícias

Europa – Cardeal crítico do Papa Francisco é afastado e recebe cargo honorário

O cardeal americano Raymond Leo Burke, um dos líderes do setor conservador contrário ao papa Francisco, foi nomeado neste sábado à frente da Ordem de Malta, um posto honorário, anunciou o Vaticano em um comunicado.

Europa - Cardeal crítico do Papa Francisco é afastado e recebe cargo honorário
Europa – Cardeal crítico do Papa Francisco é afastado e recebe cargo honorário

Burke, que era prefeito do Supremo Tribunal da Signatura Apostólica (o mais alto da Santa Sé) desde 2009, confidenciou a um jornal americano que iria ser afastado de seu cargo depois de criticar a forma com que Francisco conduziu o sínodo sobre a família realizado em outubro.

Ele antecipou que iria ser designado o chefe da Ordem de Malta, um cargo honorário, que fica de fora da Cúria, a administração vaticana.

Em dezembro de 2013, o cardeal não teve renovado o mandato de membro da Congregação para os Bispos, um ministério do Vaticano, depois de ter criticado Francisco por não condenar mais explicitamente questões como o aborto ou casamentos homossexuais.

No entanto, o sumo pontífice o nomeou “padre sinodal”, e por isso ele dirigiu um grupo de trabalho no sínodo sobre a família.

Coautor de um livro que afirma que “Cristo proíbe sem ambiguidades o divórcio e o segundo casamento”, Burke denunciou, durante o sínodo, as afirmações “inaceitáveis sobre as relações sexuais fora do matrimônio e entre pessoas do mesmo sexo”.

O documento final do sínodo foi aprovado pelos cardeais, mas sem atingir um acordo sobre o acesso à comunhão dos divorciados, defendido por Francisco, ou uma maior tolerância em relação aos homossexuais.