Últimas Notícias

MG – Período chuvoso já deixou 2,5 mil desalojados, dois mortos e nove cidades afetadas em Minas Gerais

Apesar do volume menor de água do que a média histórica em Minas Gerais, as tempestades neste período chuvoso já deixaram quase 2,5 mil pessoas desalojadas e causaram muitos estragos. Segundo a Coordenadoria de Estado de Defesa Civil (Cedec), já são nove as cidades afetadas no Estado.
MG - Período chuvoso já deixou 2,5 mil desalojados, dois mortos e nove cidades afetadas em Minas Gerais
MG – Período chuvoso já deixou 2,5 mil desalojados, dois mortos e nove cidades afetadas em Minas Gerais

O balanço diário da Cedec mostra que, desde outubro, os municípios de Carangola, Rio Piracicaba, Sabará e Franciscópolis foram os que, até agora, tiveram o estado de situação de emergência reconhecido. Eles foram atingidos por chuvas intensas e também granizo.

Outras cinco cidades também declararam prejuízos em função de tempestades, sendo Santo Antônio do Monte, Barra Longa, Itajubá, Lavras e Icaraí de Minas, mas não declararam situação de emergência.
Até agora, 2.495 pessoas foram desalojadas e outras 40 ficaram desabrigadas pelas chuvas. Além disso, 353 casas em Minas foram danificadas, sete destruídas e outras oito obras de infraestrutura, como pontes, por exemplo, também foram avariadas ou perdidas.
Segundo a Cedec, neste período chuvoso, quatro pessoas ficaram feridas e duas morreram em função de tempestades. O primeiro óbito foi registrado em 20 de outubro, quando Willian Carvalho, de 44 anos, foi atingido por um raio na zona rural de Santo Antônio do Monte. A segunda vítima fatal foi uma criança de 2 anos. Ivan Kenedy Teixeira de Jesus morreu afogado quando o carro onde estava com a família foi arrastado quando atravessada uma ponte na MGT-161, em Icaraí de Minas, em 1º de dezembro.