Inicio » Nacional » Brasil – Aeroportos de todo o Brasil têm voos afetados por paralisação dos aeronautas

Brasil – Aeroportos de todo o Brasil têm voos afetados por paralisação dos aeronautas


Reviewed by:
Rating:
5
On 22 de janeiro de 2015
Last modified:22 de janeiro de 2015

Summary:

Brasil - Aeroportos de todo o Brasil têm voos afetados por paralisação dos aeronautas

Aeroviários e aeronautas protestam por aumento de salário nesta quinta-feira (22); vários voos foram cancelados.

Brasil - Aeroportos de todo o Brasil têm voos afetados por paralisação dos aeronautas
Brasil – Aeroportos de todo o Brasil têm voos afetados por paralisação dos aeronautas

A greve anunciada pelos aeronautas ( pilotos, co-pilotos e comissários) e aeroviários afeta aeroportos brasileiros nesta quinta-feira (22). Em Belo Horizonte, no Aeroporto Internacional Tancredo Neves (Confins), sete voos tiveram atrasados no início da manhã desta quinta-feira (22).

No Rio, a paralisação marcada para durar das 6h às 7h afetou ao menos oito voos, sendo quatro cancelados e outros quatro atrasados. No Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão) teve dois voos atrasados, dos 14 previstos até o horário, de acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). A assembleia dos trabalhadores está marcada para as 15h desta quinta-feira (22).

Em São Paulo, 12 voos foram cancelados no Aeroporto de Congonhas, outros 12 ficaram atrasados entre os 37 que estavam previstos desde o início da paralisação até as 8h. As informações são da Infraero.

Ainda na capital carioca, os funcionários protestaram no saguão e nas ruas próximas aos aeroportos Santos Dumont e Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim.

No Brasil, outros aeroportos também foram afetados pela paralisação, sendo eles: Aeroporto Internacional Afonso Pena (Curitiba – PR); Aeroporto Juscelino Kubitschek (Brasília – DF);  Aeroporto Internacional Hercílio Luz (Florianópolis – SC);  Aeroporto Internacional Salgado Filho (Porto Alegre – RS);  Aeroporto Santa Genoveva ( Goiânia – GO)

Alertadas da manifestação, as companhias aéreas divulgaram comunicado informando aos passageiros que boa parte dos voos agendados, no período de 6h às 7h, seriam remanejados para outros horários. Segundo a nota, “apesar dos esforços do Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA) e da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) na negociação salarial com aeroviários e aeronautas, as categorias podem realizar paralisações nos aeroportos, das 6h às 7h, nesta quinta-feira (22). Dessa forma, podem ocorrer reflexos nos voos domésticos em todo o país ao longo do dia. “

Ao menos 80% do efetivo mínimo dos aeroportos brasileiros devem ser mantidos pelos funcionários, de acordo com determinação do Tribunal Superior do Trabalho (TST), caso haja descumprimento da norma, será cobrada multa diária de R$ 100 mil.

Entre as reivindicações dos aeroviários e aeronautas, estão os pedidos de aumento de 8,5% nos salários e benefícios, além de melhores condições de trabalho e do estabelecimento de um piso salarial para os agentes que fazem o check-in.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).



EV SSL Certificate