Inicio » Esporte » Campeonato Mineiro » Campeonato Mineiro – Cruzeiro e América ficam no empate

Campeonato Mineiro – Cruzeiro e América ficam no empate


Reviewed by:
Rating:
5
On 28 de fevereiro de 2016
Last modified:29 de fevereiro de 2016

Summary:

Campeonato Mineiro - Cruzeiro e América ficam no empate

 

Era esperado um confronto disputado e digno de dois clubes da elite do futebol brasileiro. E na maior parte do clássico deste domingo, realizado no Mineirão, foi exatamente isso o que se viu.

Duelo foi bastante movimentado, com boas chances dos dois lados
Duelo foi bastante movimentado, com boas chances dos dois lados

Não que tenha sido uma partida brilhante em termos técnicos. Mas sobrou garra, raça e suor. A emoção perdurou até a bacia das almas. Quando tudo se encaminhava para um triunfo do Cruzeiro, eis que aos 46 min do segundo tempo o América chegou a um empate heroico.

Quem acabou se beneficiando com o empate em 1 a 1 entre os rivais da capital foi o Uberlândia, que bateu o Guarani de Divinópolis e assumiu a liderança do Estadual, com 12 pontos. O G-4 é completado por Cruzeiro, o segundo colocado, com 11, e o Atlético, o terceiro, com dez pontos e saldo de seis gols, e o América, o quarto, também com dez, mas saldo de três gols.

O jogo

O placar no Mineirão foi justo por aquilo que as duas equipes fizeram. Em um embate parelho, o primeiro tempo foi da Raposa, que se mostrou taticamente melhor e menos nervosa que o Coelho. Após um erro da defesa alviverde, Arrascaeta abriu o placar. Já na segunda etapa, o Coelho deu as cartas e, após muita luta e insistência, chegou à igualdade com Bryan, no finalzinho.

O time celeste segue sem encantar nesta temporada. De positivo, fica a evolução de Arrascaeta. O uruguaio vem subindo de produção e se tornando o principal nome do time em 2016. Depois de um início de ano ruim e ir para o banco de reservas, o meia recuperou a titularidade e, de quebra, passou a balançar as redes.

O gol anotado em cima do Coelho foi o terceiro de Arrascaeta em três partidas seguidas – já havia marcado na derrota por 4 a 3 para o Fluminense e na vitória por 1 a 0 sobre o Tricordiano.

Já o América teve algumas dificuldades diante da defesa celeste, mas não desistiu um minuto sequer.  As alterações do técnico Givanildo surtiram efeito e Bryan, um dos que deixaram o banco de reservas, anotou o tento alviverde.

O Cruzeiro só volta a jogar no próximo domingo, quando encara a Caldense, em Poços de Caldas, pelo Mineiro. O Coelho, por sua vez, tem um compromisso importante na quarta-feira, diante de outro rival, o Atlético, pela Primeira Liga.

CRUZEIRO 1 X 1 AMÉRICA

Motivo: 5ª rodada do Campeonato Mineiro
Estádio: Mineirão
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Renda: R$ 557.054
Público: 19.622
Cartões Amarelos: Lucas Romero (Cruzeiro); Alison e Danilo (América)
Gols: Arrascaeta, 43min 1º tempo (Cruzeiro); Bryan, 46 min 2º tempo (América)

CRUZEIRO
Fábio, Fabiano, Dedé, Bruno Rodrigo e Fabrício; Henrique, Lucas Romero, Sánchez Miño (Ariel Cabral), Arrascaeta, Alisson (Elber); Willian (Rafael Silva). Técnico: Deivid

AMÉRICA
João Ricardo, Jonas, Alison, Sueliton, Danilo (Bryan); Leandro Guerreiro, Pablo, Tony, Rafael Bastos (Tiago Luis), Osman; Bruno Sávio (Victor Rangel). Técnico: Givanildo Oliveira

Do Super FC

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).