Matrículas Aberta - Escola Adventista

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Colunistas » Léo Queiroz » Coluna do Léo Queiroz – Dicas de Turismo

Coluna do Léo Queiroz – Dicas de Turismo

Coluna do Léo Queiroz – Dicas de Turismo

Mural ‘Etnias’ entra para o livro dos recordes
O mural ‘Etnias’, atrativo do Boulevard Olímpico, por onde passaram quatro milhões de visitantes durante os jogos olímpicos, entra para o Guinness Book como maior grafite do mundo.  A arte, em grafite, assinada pelo artista brasileiro Eduardo Kobra, tem 15 metros de altura e 170 metros de comprimento. A magnitude da obra garantiu o título de maior grafite do mundo feito em equipe, pelo Guiness World Records, o livro dos recordes. A equipe levou 70 dias para pintar a obra de 3 mil metros quadrados que retrata cinco etnias indígenas dos cinco continentes.

Mural Etnias (Foto: Divulgação)
Mural Etnias (Foto: Divulgação)

 

A obra faz uma referência às origens dos povos, atletas e visitantes, presentes no Rio de Janeiro para os jogos olímpicos e paraolímpicos oriundos de todas as regiões do planeta. O painel localizado no trecho de mais de três quilômetros restaurado, no centro do Rio de Janeiro, para receber os turistas com shows e transmissão das competições, virou um dos pontos preferidos para selfies de registro da visita. ‘Etnias’ simboliza a paz e a união entre os povos reforçando o ideal olímpico que é representado pelos cinco aros olímpicos coloridos.

Fonte: Ministério do Turismo

Descubra Minas: Diamantina
Localizada a 294 quilômetros de Belo Horizonte, a cidade de Diamantina faz parte do roteiro histórico de Minas Gerais. O turista que desembarca por lá tem a oportunidade de conferir ruas, praças, casas e igrejas com um valor arquitetônico e cultural incalculável. Tudo em ótimo estado de conservação e considerado patrimônio cultural da humanidade desde 1980.

Aproveite tardes de sol para passear e conferir de perto a beleza de casarões que nos transportam para o período colonial, como a casa de Muxarabiê. Outra boa dica é conferir a tradicional ‘Vesperata’, que acontece por dois sábados ao mês. Trata-se de um concerto promovido por músicos locais, que se posicionam nas sacadas das casas com estilo colonial na Rua da Quitanda.

AS QUENTES DO TURISMO
Baixa temporada – Viajar de março a junho, ou de agosto a novembro, pode gerar uma série de benefícios. O maior deles é preço. Períodos menos concorridos costumam ser sinônimo de passagens aéreas mais baratas, meios de hospedagem com desconto, alimentação e serviços turísticos a preços menores e aeroportos mais tranquilos. Fica a dica!

Turismo de Festas – O colunista João Jorge promoverá no próximo dia 30 de setembro, no Automóvel Clube de Montes Claros, a festa Tops da Geração de Ouro, reunindo grandes personalidades de Montes Claros e região. A animação fica por conta da banda Alpha

Abraço da coluna aos amigos e leitores Heberth Rodrigo, Vinicius Maciel, Geissila Tatiely, Jeová Prates, Fabiano Fagundes, Lílian Melo, Keila Bacchi, Lucas Fraga, Geyziane Garcias, Guilherme Siqueira e Eudóxio Rabelo.

Por Léo Queiroz

Léo Queiroz
Léo Queiroz

 

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *