Inicio » Mais Seções » Famosos » Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: ‘faria de novo’

Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: ‘faria de novo’


Reviewed by:
Rating:
5
On 5 de abril de 2017
Last modified:5 de abril de 2017

Summary:

Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: 'faria de novo'

Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: ‘faria de novo’

O cantor sertanejo Victor Chaves, da dupla Victor e Leo, falou, na tarde desta terça-feira (04/04/2017), pela primeira vez sobre a denúncia de agressão sofrida pela esposa do cantor. Poliana Bagatini alegou ter sido agredida pelo marido, sendo jogada no chão e depois chutada.  

Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: 'faria de novo'
Após ser indiciado, cantor Victor se defende de agressão em vídeo: ‘faria de novo’

 

Mais cedo, a Polícia Civil de Minas Gerais indiciou o cantor por contravenção penal, prevista no artigo 21 do Decreto Lei 3.688/41, por vias de fato – que pode ser com a utilização de tapas, chutes ou outras agressões que não deixam a vítima lesionada. A decisão foi baseada nas análises das imagens das câmeras de segurança do prédio e também no depoimento da vítima.

Após receber a notícia do indiciamento, Victor se pronunciou pelo Instagram. “Eu fui indiciado legalmente por vias de fato, contravenção, ou seja, eu não machuquei ninguém. O que eu pratiquei foi um ato de desespero para conter uma pessoa que estava completamente fora de si, de pegar uma criança de um ano. E pela minha filha, o que eu fiz, eu faria de novo. Então tudo está sendo apurado devidamente”, afirmou no vídeo.

Veja o vídeo publicado no Instagram:

Relembre o caso

No dia 24 de fevereiro, Poliana Bagatini, que está grávida, procurou uma delegacia em Belo Horizonte para prestar queixa contra o cantor. De acordo com o Boletim de Ocorrência, ela disse ter sido agredida pelo marido, jogada no chão e recebido chutes.

A confusão teria começado quando Victor levou a filha de um ano e um mês do casal para a casa da mãe dele sem autorização de Poliana.

Dias depois, ela voltou atrás e disse que não houve agressão.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).



EV SSL Certificate