Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Beleza – Mitos e verdades sobre a estética íntima

Beleza – Mitos e verdades sobre a estética íntima

Toda a pele está suscetível a ter manchas, no entanto, algumas regiões podem ter ainda mais, como as axilas, cotovelos, joelhos, virilha e região íntima, devido a fatores internos, como a genética, e externos, como atritos. Com isso, muitas buscam intervenção cirúrgica ou procuram alternativas para tratar essa região. Assim, a estética íntima vem sendo uma excelente aliada de várias pessoas que desejam melhorar a aparência de várias partes do corpo. Procedimentos e técnicas surgem como resultado de avanços tecnológicos em estética, eletroterapias e cosmiatria que, juntos, resultam em determinados tratamentos para uma região com perfil específico de sensibilidade.

Beleza - Mitos e verdades sobre a estética íntima
Beleza – Mitos e verdades sobre a estética íntima

 

Alterações fisiológicas relacionadas ao envelhecimento intrínseco genital somam-se a fatores como obesidade, tabagismo, má alimentação, modificações hormonais, processos mecânicos (depilações), gestações, uso de determinadas medicações, vestuário inadequado e até componentes genéticos que podem agravar ou causar alterações estéticas significativas na região genital do homem e da mulher.

Esses tratamentos segmentados para áreas específicas do corpo têm a funcionalidade de tratar essas regiões com produtos específicos por serem áreas que necessitam de cuidados mais especiais devido às suas características como pele mais fina e tendência a flacidez. No entanto, ainda existem muitas dúvidas a respeito da estética íntima, assim como alguns mitos difundidos. Diante disso, convidamos a Adélia Mendonça, especialista em dermocosméticos, para esclarecer se algumas informações são mito ou verdade, nesse assunto.

Mitos e verdades

1- Estética íntima é voltada apenas para mulheres;

Mito. A estética íntima é voltada para homens e mulheres.

2 – Estética íntima trata apenas a região vaginal e ânus;

Mito. Ela trata também regiões como axilas, joelhos, cotovelos e parte interna de coxas.

3- Melhora a vida sexual;

Verdade. Melhora a vida sexual, pois a pessoa se sente mais segura e mais à vontade com o seu parceiro.

4- Melhora a autoestima;

Verdade. Melhora seu aspecto estético, resgatando a autoestima e proporcionando uma melhor qualidade de vida.

5- O resultado será o mesmo para qualquer pessoa;

Mito. São vários os fatores que podem influenciar no resultado final, como o uso de produtos home care, o seu fototipo, se há sensibilidade na área a ser tratada e os devidos cuidados durante o tratamento. Também é preciso considerar que cada indivíduo reage de uma forma distinta ao tratamento.

6 – Os procedimentos são doloridos;

Mito. Os procedimentos estéticos são bem toleráveis.

7 – Podem ser feitos em casa;

Verdade. Hoje existem produtos para serem utilizados home care, que podem ser um complemento de tratamentos feitos em clínicas de estética, oferecendo excelentes resultados.

8- É o mesmo que cirurgia íntima.

Vai depender da necessidade, se é somente o uso de terapias associadas ao uso de cosmiatria ou caso para cirurgia. Hoje, o Brasil é líder no ranking mundial de cirurgia de ninfoplastia.

Sobre Adélia Mendonça

A Adélia Mendonça Cosméticos desenvolve dermocosméticos e tratamentos de alta performance, se comprometendo a uma busca constante pela eficácia e excelência de seus produtos. No Brasil, é pioneira nas áreas da estética íntima e skincare de alto percentual ativo. Adélia Mendonça Cosméticos tem protocolos exclusivos para diversas disfunções estéticas, criados pela própria Adélia Mendonça com resultados surpreendentes. A empresa é referência nacional no mercado de cosmiatria e, além disso, possui um compromisso com a comprovação científica dos resultados, primando por tecnologia e pesquisa no desenvolvimento de seus protocolos de estética íntima, corporal, capilar e facial.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *