Casa das Apostas Online Betway

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

F1 – Fernando Alonso achava que estava em 1995 quando acordou

F1 – Fernando Alonso achava que estava em 1995 quando acordou

“Quem é você, o que faz, e o que quer do futuro?” perguntou o médico a Fernando Alonso, assim que ele abriu os olhos. A resposta deixou todos na sala constrangidos. O espanhol simplesmente respondeu: “Sou Fernando, corro em karts e quero ser piloto da Fórmula 1”.
“Quem é você, o que faz, e o que quer do futuro?” perguntou o médico a Fernando Alonso, assim que ele abriu os olhos. A resposta deixou todos na sala constrangidos. O espanhol simplesmente respondeu: “Sou Fernando, corro em karts e quero ser piloto da Fórmula 1”.

Ao El País, diretor de neurologia do hospital Sant Pau revelou diálogo com piloto logo que abriu os olhos.

“Quem é você, o que faz, e o que quer do futuro?” perguntou o médico a Fernando Alonso, assim que ele abriu os olhos. A resposta deixou todos na sala constrangidos. O espanhol simplesmente respondeu: “Sou Fernando, corro em karts e quero ser piloto da Fórmula 1”.

O diálogo foi relatado pelo diário da Espanha El País, que contou outros detalhes sobre a passagem do atleta pelo hospital após o acidente sofrido em Barcelona, durante os treinos de pré-temproada. Alonso acordou nada menos que no ano de 1995, e não se lembrava de seus títulos mundiais.

Segundo a publicação, quase uma semana após o ocorrido, o espanhol já se encontra praticamente 100%. O doutor Rafael Blesa, diretor do departamento de neurologia do Hospital de Sant Pau, em Barcelona, afirmou que todos os exames foram positivos e nada de diferente foi constatado no cérebro do piloto.

Por precaução, Alonso não correrá pela McLaren no primeiro Grande Prêmio, o da Austrália, no dia 15 de março.

.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *