Matrículas Aberta - Escola Adventista

Últimas Notícias

SAIBA MAIS AQUI - FAÇA CLICK

Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Vereadores de Montes Claros reiteram irritação com ausência e inércia da atual administração municipal

Montes Claros – Vereadores de Montes Claros reiteram irritação com ausência e inércia da atual administração municipal

Montes Claros – Vereadores de Montes Claros reiteram irritação com ausência e inércia da atual administração municipal

Menos de um mês desde que tomou posse, inerte e por vezes ausente da cidade, sem iniciar de fato a sua gestão que até o momento se limitou a tentar executar serviços básicos, sem muito sucesso, o prefeito Humberto Souto (PPS) virou alvo contumaz de pronunciamentos nada amistosos na Câmara Municipal.

Câmara: as poucas e pífias ações da administração municipal têm sido tema para discursos que cobram desempenho dos atuais gestores
Câmara: as poucas e pífias ações da administração municipal têm sido tema para discursos que cobram desempenho dos atuais gestores

 

Na reunião da terça-feira (24), não foi diferente. Como nas outras sessões, críticas à apatia de sua administração fizeram parte da maioria dos discursos parlamentares. Poucos se arriscaram contradizê-los, tarefa que ficou para o vereador Oliveira Lega correligionário do prefeito, que repetiu falação culpando a administração anterior pelo fracasso da atual.

A prefeitura está um caos – admitiu Oliveira Lega, lamentando falta de recursos, no que foi contestado pelo vereador Daniel Dias (PCdoB), que se revelou desconfiado da penúria anunciada, lembrando que a administração tem arrecadado recursos importantes, destacando que somente de IPVA ela deverá colocar nos cofres municipais mais de R$ 13 milhões.

Outra fonte que estaria abastecendo o Tesouro Municipal e que desmentiria a quebradeira reiterada pelos atuais gestores é a do ICMS – Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços.

Estes recursos estão entrando em caixa e esta Casa não pode insistir em ficar presa a questões relativas à administração anterior. A atual administração precisa dar uma resposta à população e dizer para o que veio, com trabalho e transparência, sobretudo em relação à sua arrecadação – acrescentou o vereador Doutor Marlon (PTC), fazendo coro aos que cobram do prefeito números que apontam o volume de dinheiro que tem entrado no caixa da prefeitura.

SAÚDE

Um dos pilares da campanha eleitoral do prefeito Humberto Souto, ano passado, foi saúde pública. No entanto, quase um mês após tomar posse no cargo, o setor agoniza e as reclamações de usuários aumentam a cada dia. O assunto também ganhou destaque no plenário legislativo, já que nos postos de saúde, além de atendimento precário, estão faltando vários medicamentos importantes, entre eles Metformina e Gliclazida para tratamento de diabetes .

Além disso, a atual gestão protela a inauguração de importantes unidades de saúde construídas pelo governo anterior “como se estivesse deixando o tempo passar para que a população, então, pense que ela construiu, ou seja, que é obra do atual prefeito”. Um exemplo é o PSF – Posto Saúde da Família do bairro José Correia Machado, conforme denunciou o vereador Valcir da Ademoc (PTB).

Está tudo pronto para que a população daquela região passe a contar com mais uma unidade de saúde. Falta somente o prefeito marcar a data para a sua inauguração.

A ausência do prefeito Humberto Souto, que nos últimos dias estaria delegando aos seus assessores a condução dos destinos do município, também foi lembrada pelos vereadores na reunião desta terça-feira. Ildeu Maia (PP) disse acreditar que ele esteja tomando as providências para “os assuntos debatidos na Casa”, entre eles a questão da vacinação contra a febre amarela.

– Não sei se o prefeito já retornou de sua viagem, mas, se ainda não o fez, espero que faça o mais rápido possível – disse, sem citar, no entanto, o local para onde o chefe do Executivo teria viajado: para as praias da Bahia “para descansar”, segundo fontes da prefeitura, e conforme revelaram fotos postadas nas redes sociais mostrando a “mordomia do prefeito que deveria estar trabalhando”.

Aviso

  • • Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários de artigos do JORNAL MONTES CLAROS sejam respeitosas e construtivas.
  • • Os espaços de comentários em nossos artigos são destinados a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou e-mail válido)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *