Inicio » Nacional » Propina JBS – ‘Não renunciarei. Sei da correção dos meus atos’, diz Temer

Propina JBS – ‘Não renunciarei. Sei da correção dos meus atos’, diz Temer

Propina JBS – ‘Não renunciarei. Sei da correção dos meus atos’, diz Temer

Propina JBS - 'Não renunciarei. Sei da correção dos meus atos', diz Temer
Propina JBS – ‘Não renunciarei. Sei da correção dos meus atos’, diz Temer

 

Leia a íntegra do pronunciamento do presidente Michel Temer:

“Uma declaração à imprensa brasileira e ao país. Só falo agora, e os fatos se deram ontem, porque tentei conhecer primeiramente o conteúdo de gravações que me citam. Solicitei, aliás, oficialmente, ao STF acesso a esses documentos, mas até o presente momento, não o consegui. Quero deixar muito claro dizendo que o meu governo viveu nesta semana seu melhor e pior momento. Os indicadores de queda da inflação, números de retorno do crescimento da economia e dados de geração de emprego criaram esperanças de dias melhores. O otimismo retornava e as reformas avançavam no congresso nacional.

Ontem (quarta, 17), contudo, a revelação de conversa gravada clandestinamente trouxe de volta o fantasma de crise política, de proporção ainda não dimensionada. Portanto, todo o imenso esforço de retirar o país de sua maior recessão pode se tornar inútil. Não podemos jogar no lixo todo o trabalho feito em prol do país. Ouvi realmente o relato de um empresário, que por ter relações com o ex-deputado, auxiliava a família do ex-parlamentar.

Não solicitei que isso acontecesse e somente tive conhecimento nessa conversa. Repito: em nenhum momento autorizei que pagasse a quem quer que seja para ficar calado, não comprei o silêncio de ninguém, por uma razão: exata e precisamente porque não temo nenhuma delação. Não preciso de encargo público nem de foro especial. Nada tenho a esconder. Sempre honrei meu nome, na universidade, vida publica, escritos, trabalhos, e nunca autorizei que utilizassem meu nome indevidamente.

Quero registrar que a investigação pedida pelo Supremo Tribunal Federal será território onde surgirão todas as explicações e no supremo demostrarei não ter nenhum envolvimento com esses fatos.

Não renunciarei. Repito: não renunciarei! Sei o que fiz e sei da correção dos meus atos. Exijo investigação plena e muito rápida para os esclarecimentos ao povo brasileiro. Essa situação de dubiedade de dúvidas não pode persistir por muito tempo Tanto esforço e dificuldades superadas, meu único compromisso é com o Brasil e é só esse compromisso que me guiará. “


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaços abaixo são destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail valido).